segunda-feira, 22 de junho de 2015

UNIÃO SUSTA RECURSOS DA EDUCAÇÃO PARA DEZ MUNICÍPIOS DO MARAJÓ

Não prestaram contas do dinheiro da educação os municípios marajoaras a seguir:
Bagre, Breves, Curralinho, Gurupá, Melgaço, Muaná, Ponta de Pedras, Salvaterra, Santa Cruz do Arari e São Sebastião da Boa Vista

Mais de um terço dos municípios do Pará deixaram de prestar contas ao Ministério da Educação dos gastos no setor em 2014, deixando de registrá-los no Sistema de Informações sobre Orçamentos Públicos em Educação (Siope), e entre esses,  dez municípios são do Marajó.
Por esse motivo estão impedidos de receber recursos federais de convênios ou transferências.
São 53 municípios, 36,81% do total. No geral, 45,27% da população paraense (3.668.732 habitantes) está diretamente afetada pela suspensão dos recursos pela União, decorrente da falta de prestação de contas dos investimentos locais em Educação pelas prefeituras.
A Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF) obriga os municípios a comprovar todo ano que investiram pelo menos 25% do orçamento em Educação. Se não enviam os dados até o prazo estabelecido ou se não comprovam esse investimento, eles são automaticamente incluídos como inadimplentes no Serviço Auxiliar de Informações para Transferências Voluntárias (Cauc) do governo federal, uma espécie de Serasa das prefeituras
 O prazo para o envio dos dados se encerrou em 30 de abril, mas o sistema continua aberto para receber as informações referentes ao ano passado. Ou seja, a qualquer momento os municípios podem regularizar a situação e retirar seus nomes da lista de inadimplência do governo federal e voltar a receber os repasses da União, provenientes de convênios e transferências voluntárias.

Fonte: O Liberal Digital!

9 comentários:

  1. http://www.firjan.org.br/ifgf/consulta-ao-indice/ são Sebastião da boa vista não tem informações fiscais desde 2010 quando assumiu gestão municipal. Dados como folha de pagamento não aparece na avaliação de.municípios. Confira.

    ResponderExcluir
  2. Isso é Gestão José Maria mano.

    ResponderExcluir
  3. Se o municipio não prestou contas como é que continua recebendo recursos para educação

    ResponderExcluir
  4. Isso e Gestão do PT em SSBV e Ze Maria e o candidato a sucessão.

    ResponderExcluir
  5. ainda bem que afuá não tá no meio!!

    ResponderExcluir
  6. Paulo Marcelo Braga30 de junho de 2015 01:40

    UMA GE$TÃO DE MÁ FAMA ENTERRA A EDUCAÇÃO DE SALVATERRA NA LAMA

    O PREFEITO SALAFRÁRIO DE SALVATERRA FOI "FICHADO" NO MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO E QUER QUE SEJA FEITO, COM CADA BEM CONCEITUADO EMPRESÁRIO DA CIDADE, UM "SÉRIO PACTO" PELA EDUCAÇÃO MUNICIPAL.

    ESSE VALENTIM É MUITO CARA DE PAU.

    Após ficar inadimplente, impossibilitado de receber recurso federal para a Educação, por ter sido incoerente e dizer o que não tem feito, o algoz, maledicente desacreditado, falastrão e negligente prefeito Valentim Luca$ de Oliveira tem a cara de pau de solicitar que o empresariado local faça um "Pacto pela Educação Municipal".

    Como se não bastasse a falta de dinheiro circulando na cidade e o impasse gerado com a classe trabalhadora espoliada por um politiqueiro prefeito que desacata, com um bando de improbidade, o município cansado da presepada que ele tem feito, Valentim, o falastrão fariseu, sem dignidade nem princípio legalizado, quer ajuda de cada comerciante local para ver se muda a enrascada situação em que se meteu, por ser um farsante cara de pau, que não prestou conta do recurso federal que deveria ser usado em benefício da Educação Municipal.

    Enquanto o recurso federal é desviado e os alunos não têm merendado, um Pacto pela Educação Local, que está sendo solicitado por Valentim, estará ocorrendo no ato de reunião na Câmara Municipal no dia três do vindouro mês. Cada empresário receberá um "selo" de colaborador se acatar o apelo da prosa fiada do salfrário gestor.

    Ora, vai aprender a ter respeito, Valentim, pela população que se preza, faz o favor de tentar "enganar o cão com reza".

    Quem é do bem não diz "sim", nem colabora com um prefeito ruim e rejeitado que tem feito tudo de errado... Sai pra lá, trombudo, teu reinado está finalizado. O povo cansou de ser enganado. O "poder" que queres ter de novo, para surrupiar a Educação e a Saúde, não será te dado... Nem te ilude, fariseu Valentim. Rude será o teu fim...

    ResponderExcluir
  7. engraçado só falam do Getúlio brabo não e puxando saco sei que é um péssimo prefeito mas esqueceram de quem mas fez o maior mal pra boa vista aquele que não concluio o ginásio da estrada, nem o campo de futebol também na estrada, não honrou nem o nome de sua própria mãe batizando a favela da coabe com nome de sua de sua genitora que esta largado e abandonado até hoje, enfim muitas e muitas outras coisas que atrasaram boa vista mas ou menos uns 20 anos, e ainda sai como herói. O NOME DESTA CRIATURA É LAERCIO PEREIRA.

    ResponderExcluir
  8. Laércio quando saiu deixou as obras regularizadas e com dinheiro em conta para concluir e já provou isso judicialmente, a atual gestão e que não teve competência para terminar, nunca e demais a gente se informar pra não falar besteiras e só pedir para os órgãos competente para ver a data em q os recursos foram liberados

    ResponderExcluir
  9. Engraçado ,se Sao Sebastião da Boa Vista não prestou contas referente a Educação ,o que dizer se o que mais se ve são obras magnificas na area da educação sendo entregues a comunidade visitei o site do fnde e o recurso está saindo regularmente,todos os funcionarios estão recebendo em dias o que dizer?Bom Trabalho Zé Maria

    ResponderExcluir