quinta-feira, 18 de janeiro de 2018

SSBV: CPAOR OFERECE 60 VAGAS PARA CURSO DE AQUAVIÁRIO

Imagem meramente ilustrativa.
A Capitania dos Portos a Amazônia Oriental - CPAOR, em parceria com a Prefeitura Municipal e Câmara Municipal de São Sebastião da Boa Vista, realizará no município de 19 a 24 de fevereiro, no salão nobre da prefeitura  o curso de formação para 60 novos aquaviários.
 O curso tem como propósito preparar profissionais  como Aquaviários do 2º Grupo Fluviários, Seção de Convés/Máquinas, com inscrição na categoria Marinheiro Fluvial Auxiliar de Convés (MAF) e categoria Marinheiro Fluvial Auxiliar de Máquinas (MMA), no nível de equivalência 1, para o exercício das capacidades previstas nas Normas da Autoridade Marítima para Aquaviários.
As inscrições para o curso serão feitas a partir da próxima segunda-feira (22), na CMSSBV, e os interessados terão que ter idade mínima de 18 anos e apresentar CPF, RGe comprovante e residência no momento da inscrição.
As vagas prioritariamente são destinadas a trabalhadores que ainda estão sem habilitação e, caso não haja procura por estes, as vagas serão destinadas à população em geral.

terça-feira, 9 de janeiro de 2018

MUANÁ: DÍVIDA EM PARCELAS DE EMPRÉSTIMOS CONSIGNADOS ULTRAPASSA R$ 500 MIL REAIS

O atual prefeito de Muaná, Eder Magalhães, foi notificado pela Agência 078 do Banco do Estado do Pará, cobrando a regularização da falta de repasse ao banco das parcelas de empréstimos consignados descontados nos contracheques do servidores municipais nos meses de setembro, outubro e novembro.
De acordo com a NOTIFICAÇÃO EXTRAJUDICIAL (print) assinada pelo gerente-geral Anderson Lobato Machado, a divida deixada pelo ex-gestor do município com o banco já chegou ao montante de R$ 544.873,69,  e o banco deu um prazo de dez dias para que a atual gestão regularize a situação, sob pena de cobrança de juros e correção monetária,  posterior cobrança judicial, além de negativação dos nomes do servidores com empréstimos contratados no SPC e |SERASA.
O blog não conseguiu contato com a assessoria do ex-prefeito Murilo Guimarães, mas deixa o espaço aberto para esclarecimentos..


segunda-feira, 8 de janeiro de 2018

BREVES: PC DEFLAGRA OPERAÇÃO PARA DESARTICULAR ESQUEMA CRIMINOSO

Os policiais civis encontraram dezenas de documentos pessoais de aposentados, cartões de créditos e respectivas senhas, além de muitos contratos celebrados por pessoas analfabetas
A Polícia Civil deflagrou, na última quinta-feira, 4, uma operação policial denominada "Lobo Mau", para desarticular um esquema criminoso que envolvia pessoas ligadas a uma empresa correspondente bancária, em Breves, na Ilha do Marajó. A prática criminosa, caracterizada como estelionato, teve como vítimas aposentados, cujos dados pessoais foram usados ilegalmente por essas pessoas para realização de empréstimos consignados indevidos que eram descontados nos contracheques.
 A equipe de policiais civis da Superintendência Regional do Marajó Ocidental, sob comando do delegado Artur Carlos Junior, deu cumprimento a mandado de busca e apreensão na sede da empresa, localizada no bairro Centro de Breves.
 Durante as buscas, foram apreendidos computadores e documentos. A operação contou com apoio dos investigadores Diogo Torres e Alexandre Souza e do escrivão Rafael Sampaio. Os policiais civis encontraram dezenas de documentos pessoais de aposentados, cartões de créditos e respectivas senhas, além de muitos contratos celebrados por pessoas analfabetas em que constavam somente as firmas a rogo dos contratantes e/ou somente as digitais deles.
 As investigações foram iniciadas há meses após os registros de boletins de ocorrência sobre o crime supostamente praticado por representantes da empresa. De acordo com o delegado Artur Carlos Júnior, os boletins de ocorrência davam conta de empréstimos consignados indevidos feitos nas contas de aposentados que, em maioria eram analfabetos e residiam em localidades na zona rural de Breves.
Segundo o delegado, as investigações continuarão. Os computadores foram remetidos ao Centro de Perícias Científicas Renato Chaves, em Belém, e as documentações apreendidas passarão por análise.

 Por Walrimar Santos/AGPA

quarta-feira, 3 de janeiro de 2018

MUANÁ: PROFISSIONAIS DE APOIO ESPERAM RECEBER 13º AINDA ESTA SEMANA

O SINTEPP Subsede Muaná, da Regional Marajó, divulgou na semana passada que continua buscando diálogo com o prefeito em exercício Eder Magalhães/PTB para a garantia do pagamento do 13º salário de trabalhadores (as) em educação do município. Até a presente data, profissionais de apoio permanecem na fila para o pagamento dos valores devidos.
 No mês de dezembro do ano passado o prefeito Murilo do Povo/PR foi afastado do cargo pela Câmara Municipal, com a acusação de desvio de cerca de R$230 mil da área da saúde e por fraudes em prestação de contas.
 Em nota o SINTEPP Muaná comentou “pela Lei, o 13º deve ser pago até o dia 20/12 e até essa data quem era o prefeito? Isso mesmo, o prefeito anterior, Murilo. E esse, parece que além de NÃO TER DEIXADO DINHEIRO NAS CONTAS DA PREFEITURA, não repassou até hoje a folha de pagamento do décimo dos profissionais de apoio”. A perspectiva destes (as) trabalhadores é para o recebimento de salários ainda esta semana.

Fonte: SINTEPP

quinta-feira, 21 de dezembro de 2017

TENTATIVA DE ASSALTO NA PREFEITURA DE BAGRE

Pelo menos 4 bandidos fortemente armados invadiram o prédio da Prefeitura de Bagre nessa madrugada, dos quatro vigilantes do local, três foram feitos reféns, um outro conseguiu se esconder e aproveitou o descuido da quadrilha pra sair do prédio e acionar a policia. Com a chegada da policia, a quadrilha desistiu do assalto e fugiu usando uma lancha que os aguardava em frente ao prédio da prefeitura, que fica as margens do Rio Paraná de Bagre. 

Nada foi levado.

quarta-feira, 20 de dezembro de 2017

DUAS FORMAS DIFERENTES DE ADMINISTRAR

O ano está chegando ao fim e temos um cenário distinto na administração de duas importantes cidades marajoaras: Bagre e Breves. 
Bagre, marcada na história como detentora de péssimas administrações municipais (vide diversas condenações no TCU, TCE e TCM de ex-gestores ) há 9 anos vem progredindo no que tange ao trato com a coisa pública. Desde a posse de Cledson Rodrigues (O Gordo) em 2009, até o primeiro ano de gestão de seu sucessor, Nilson Farias, o município vem acumulando progressos: como obras, serviços e respeito ao funcionalismo.
Já de Breves não se pode dizer a mesma coisa. Os oito anos de administração Xarão Leão foram marcados por inúmeras denuncias de irregularidades e greves do funcionalismo.
Hoje, após doze meses da gestão Toninho Barbosa, o que se vê é que a criatura copiou a prática ruim do criador.
O município de Breves simplesmente travou, com uma gestão que mal consegue administrar a folha de pagamento, e sem conseguir gerenciar crise provocada por “alopração” politico-administrativa.

BREVES: PREFEITO FALTA À REUNIÃO E CLIMA CONTINUA TENSO

Imagem: Wanderlei Marques
Em reunião durante toda a tarde  de ontem (19), que contou com a presença da Coordenação do SINTEPP, vereadores e Policia Militar , tentou-se chegar a um consenso sobre a desocupação do prédio da Câmara Municipal, porém, a falta do prefeito ao encontro, tornou as negociações infrutíferas.
É unânime o sentimento de que se não chegarem a um acordo sobre o adiamento a votação dos PLs que retiram direitos dos trabalhadores em sessão marcada para amanhã (21), o confronto será inevitável, pois os trabalhadores da Educação têm até às 14:30 de hoje (20) para desocuparem o prédio da Câmara Municipal de Breves, ou serão tirados à força.
De acordo com o SINTEPP,  e o entendimento de grande parte da população brevense, caso aconteça um confronto, o prefeito será responsabilizado, pois perdeu oportunidade de dialogar  e amenizar os ânimos.

terça-feira, 19 de dezembro de 2017

MUANÁ: TJE MANTEM CASSAÇÃO DE MURILO GUIMARÃES


O Tribunal de Justiça do Estado do Pará publicou há pouco decisão que derruba liminar concedida ao prefeito de Muaná, Murilo Guimarães, para que o mesmo se mantivesse no cargo após decisão de cassação feita pela Câmara Municipal de Muaná.
Uma das queixas de Murilo para se manter no cargo foi a falta de defesa no processo, devidamente refutada pelo despacho a Desembargadora Diracy Nunes Alves que manteve sua cassação.
O vice-prefeito, Biri Magalhães, reassume a prefeitura até que seja julgado novo recurso impetrado por Murilo Guimarães em instância superior.

BREVES: UM BARRIL DE PÓLVORA PRESTES A EXPLODIR

Trago à tona o comentário do coordenador do SINTEPP de Breves, sobre o envio de tropa do Batalhão de Choque da PM/Pa, no intuito de desocupar o prédio da Câmara Municipal de Breves, ocupado por profissionais da Educação que se recusam a cumprir ordem judicial.

" A Câmara de Vereadores está ocupada desde quinta feira. O Prefeito mandou um Projeto de Lei que retira as gratificações do PCCR dos servidores da educação e a Câmara não votou por motivo da invasão dos servidores que até agora estão lá, para que não seja pedida uma seção extraordinária e seja votada o projeto. Por isso o comando de Breves solicitou a presença de um efetivo maior. São mais de 2.000 funcionários que estão dentro e fora da Câmara de Vereadores. O Judiciário já entregou ao SINTEPP o mandado de reintegração de posse, mas os servidores em assembléia votaram por continuar e não vão sair. ESTÁ UM BARRIL DE PÓLVORA, vamos ver amanhã terça quando o Batalhão de Choque chegar, poderá acontecer uma tragédia qual nunca teve em Breves. Todas as escolas estão paradas a greve é por salários atrasados e para que o Prefeito retire o projeto da pauta da câmara, que está de recesso".

segunda-feira, 18 de dezembro de 2017

SOURE É A MAIS NOVA CIDADE A CONTAR COM 4G DA TIM

Em continuidade ao plano de expansão da tecnologia 4G em todo o país, a TIM ativou sua rede de quarta geração na cidade de Soure, no Pará, atingindo um total de 43 cidades cobertas em várias regiões do estado. Com a rede móvel de quarta geração, os clientes da operadora podem se conectar à internet com mais velocidade e qualidade, usufruindo de experiências ainda maiores de navegação e transmissão de dados muito superior à rede 3G.
A expectativa é chegar até o final do ano com mais de 64 cidades cobertas com sinal 4G da TIM em todo o Pará, sendo mais de 42 com a frequência de 700 MHz. Não haverá qualquer tarifação adicional ao cliente. “Investimos fortemente em infraestrutura, o que vai gerar uma experiência de uso muito melhor aos nossos clientes nestas cidades”, destaca Fábio Reis, diretor comercial da TIM Centro-Oeste e no Norte. De acordo com o executivo, a empresa prevê investimentos de R$ 12 bilhões no país no triênio 2017-2019.
Vantagens do 4G
Com mais velocidade na navegação é possível enviar e fazer download de fotos, filmes, músicas e vídeos em menos tempo. A tecnologia também permite realizar videoconferência e vídeo chamadas com menos interferência. Para utilizar a rede é necessário possuir um smartphone que navegue na rede 4G e um chip de quarta geração. Caso o cliente verifique que o seu chip ainda é 3G, ele pode se dirigir a qualquer loja da TIM mais próxima, adquirir um novo produto e experimentar as suas vantagens.
Fonte: TIM BRASIL