segunda-feira, 30 de abril de 2012

COMENTÁRIOS LIBERADOS

Atendendo a pedidos resolvemos liberar a moderação de comentários no blog. Mesmo sabendo que a avalanche de acusações e ofensas ocorrerão. Pois bem, caso houver conteudo em comentários que difamem ou , de algum,a forma, façam acusações infundadas ou sem comprovação formal, enviaremos o mesmo para SPAM ...

Abraço marajoara
Flávio Costa - Editor

GURUPÁ RECEBE "TAUS" A PARTIR DE AMANHÃ (01)

Extraído do Blog do Lélio

Estamos muito felizes por mais uma entrega de Termos de Autorização de Uso Sustentável (TAUS).
Desta vez, no município de Gurupá, no arquipélago do Marajó. A ação faz parte das políticas integradas do governo federal sob a égide do Plano Brasil Sem Miséria.
O evento será realizado no dia 01, mas a equipe de servidores da SPU/PA estará no município até o dia 06 de maio realizando a entrega dos TAUS.
O público alvo são as famílias ribeirinhas tradicionais agroextrativistas. Até agora integramos cerca de 263 pessoas no programa Bolsa Verde. Beneficiamos 1.506 famílias e estamos voltando nesse final de semana para fazer a entrega de mais 514 TAUS.
O evento em Gurupá é de grande importância para Secretaria de Patrimônio da União no Pará (SPU/PA). O motivo é que ele marca um momento histórico institucional, principalmente na vida dos ribeirinhos que receberão o TAUS. Além das famílias terem reconhecido o uso e assegurado a posse das áreas de domínio da União pela SPU/PA, elas poderão aderir ao Programa Bolsa Verde com a assinatura do Termo de Adesão.
 Nosso objetivo é promover a entrega dos Termos às famílias ribeirinhas beneficiadas pelo Projeto Nossa Várzea por meio do TAUS, emitidos pela SPU/PA, que pela primeira vez será realizado de forma integrada com ações do Plano Brasil sem Miséria, referente ao Programa Bolsa Verde do Ministério do Meio Ambiente (MMA).

MISSÃO

A SPU/PA terá um papel fundamental no evento de Gurupá. Conduzirá o evento de entrega dos TAUS e terá total gerência na coleta da assinatura dos Termos de Adesão ao Programa Bolsa Verde do Ministério do Meio Ambiente (MMA), contribuindo para que a propriedade cumpra a sua função socioambiental. Além do Programa Bolsa Verde, os ribeirinho terão como benefício o reconhecimento do Uso e a Posse das áreas que as famílias utilizam; o Termo também servirá como comprovante de residência oficial; facilita o acesso à aposentadoria; facilita o acesso a linha de crédito e financiamento para auxiliar na produção e de forma geral também vai facilitar o acesso aos programas sociais Federal, dentre eles o Bolsa Verde. Participarão do evento a prefeitura municipal de Gurupá; a Câmara Municipal; Sindicato dos Trabalhadores e Trabalhadoras Rurais de Gurupá; Colônia de Pescadores; Associações Comunitárias Ribeirinhas e as famílias ribeirinhas beneficiárias.

PESQUISAS APONTAM OS AVANÇOS DA ADMINISTRAÇÃO MUNICIPAL EM BAGRE

Há muito o blog vem publicando matérias sobre obras e serviços no município de Bagre. Em pesquisa recente, a excelente gestão de Cledson Rodrigues (Gordo) foi avaliada pelos munícipes. Nela, foi apontada as principais obras e a satisfação da população com o aterramento de ruas.
Em outra pesquisa realizada no município, os eleitores opinaram sobre sua preferência para a próxima eleição. A pesquisa quis saber dos eleitores ouvidos, de forma espontânea, em quem votariam se as eleições fossem hoje.A pesquisa aponta em primeiro lugar o candidato Gordo,  , seguido por Telma Sena , Santa Maria ) e Assis 
 No critério rejeição, destaca-se Cledson (Gordo), como a menor rejeição entre os nomes envolvidos , Telma Sena  e Santa Maria vem logo atrás.
O nome com maior rejeição é de Leo Macedo seguido por Zé Martins , Aracy Santa Maria  e Antônio Miraiu .
Cledson (Gordo) foi apontado pelos eleitores como a maior liderança política do município,, seguido por Telma Sena , Assis  e Santa Maria 


PS: O Blog não disponibilizará os números, pois a pesquisa não foi registrada junto ao TRE

OFERECER ÁGUA DE QUALIDADE É OBRIGAÇÃO DE TODOS

A prefeitura de SSBV prega aos quatro cantos que não é sua responsabilidade resolver o problema histórico da qualidade da água em seu município, baseado nisso o vereador Reinaldo Silva/PMDB se empenhou para que finalmente as obras de melhoria da água em São Sebastião da Boa Vista tivessem continuidade. A Secretaria de Integração Regional , Desenvolvimento Urbano e Metropolitano  -SEIDURB, pretende entregar a obra o mais rápido possível. O secretário, Márcio Spíndola e o secretário adjunto, Bira Barbosa, receberam o vereador peemedebistas( foto) e reiteraram o compromisso do Governo do Estado em levar água de qualidade ao povo boavistense

BLOG DO DEP. PARSIFAL PONTES RECOMENDA O BLOG "MARAJÓ NOTÍCIAS"

Leia na íntegra o post

..A ilha de Marajó, debruçada na foz do Rio Amazonas, é uma das 2.500 ilhas do Arquipélago do Marajó. Destaca-se das demais por ser a maior ilha fluviomarítima da Terra (42 km²). 
Coloquialmente conhecida apenas por “Marajó”, a ilha, de uma belíssima natureza, abriga 16 municípios que se dividem em 3 microrregiões. É de lá que o Flávio Costa assina o “Marajó Notícias”, ratificando a sensacional revolução que a internet faz: a democratização da informação. 
Eu apoio, porque acredito ser uma ferramenta de gestão para a região, o “Território Federal do Marajó”. Infelizmente, com todo o respeito aos que pensam diferente, a maioria da classe política nacional ainda está perdida no latifúndio federativo, mentalidade incrustada nos senhores dos nossos destinos, desde as sesmarias. Clique na imagem e visite o “Marajó Notícias”, que já está na posição 46 da nossa lista dos “Blogs do Interior”. 
 Um abraço ao Flávio e aos marajoaras...


NOTA DO BLOG
O blog gostaria de agradecer pelo reconhecimento e as palavras de apoio do MCB. 
Ainda me assusta que o ranço de alguns ainda tentam me agredir pela decisão de me opor aos desmandos do governo inePTo de SSBV.  Segue a luta e a vida ... 

sábado, 28 de abril de 2012

FUNDAÇÃO CARLOS GOMES PARTICIPA DE EVENTO NO MARAJÓ

A Fundação Carlos Gomes vai participar do 5º Encontro de Bandas do Município de Salvaterra e, concomitantemente, do aniversário do Clube Musical de Aprendizes da Vila do Jubim, que será comemorado no próximo dia 1º de maio, no Centro Social da Igreja de Nossa Senhora de Nazaré, naquela localidade. Como parte da programação, e abrindo os festejos, vai ter a projeção do filme “Luzes da Cidade”, clássico de Charles Chaplin do cinema mudo, com a execução da trilha sonora ao vivo pelo pianista Paulo José Campos de Melo, dia 30, às 19h no mesmo local, com entrada franca.
 Na programação de aniversário constam várias apresentações musicais: alunos da escola de música da cidade e grupo de choro local, Banda 1º de Maio da Vila de Jubim, Banda Emara, Banda São Benedito da Passagem Grande, Banda 11 de Setembro da Vila de Condeixa e Banda Santa Cecília da Vila do Caldeirão, sendo que a maioria conta com apoio técnico da FCG.

Fonte: Agência Pará

MUNICÍPIOS TÊM ATÉ 4 DE MAIO PARA ENVIAR PROPOSTA DE ADESÃO AO NAVEGAPARÁ

O edital de Seleção Pública de Propostas para Apoio à Inclusão Digital no Estado do Pará, na Modalidade 1 (link de internet), está aberto desde o último dia 18, para todos os municípios do Estado. Pela primeira vez, órgãos públicos e instituições do terceiro setor, sem fins lucrativos, em condições de firmar parceria com contrapartidas materiais, poderão formalmente encaminhar ao governo do Estado propostas para a implantação de infocentros em seus municípios.
 A meta é ampliar ainda mais a cobertura do programa, multiplicando as modalidades de concessão dos infocentros e ampliando as parcerias com Prefeituras e a sociedade. Pelo edital, a Secretaria de Estado de Ciência, Tecnologia e Inovação (Secti), responsável pelo programa junto com a Empresa de Processamento de Dados do Pará (Prodepa), compromete-se a conceder link gratuito à internet, material didático para cursos de informática básica e treinamento aos monitores indicados pelas entidades, para atendimento e capacitação dos usuários. Municípios do interior sem provedor, onde o acesso à internet ainda é muito lento e caro, terão a oportunidade de solicitar uma conexão mais rápida que a ofertada pelas empresas de telefonia e de rádio, e inteiramente sem custo.
As propostas serão aceitas até 4 de maio (sexta-feira).

Demandas - “O edital atenderá às demandas por link de internet por parte de instituições sediadas nos municípios já assistidos pelo Programa Navegapará. Existem escolas municipais, por exemplo, com laboratório de informática pronto, aguardando somente a conexão da internet”, informou Mônica Braga, coordenadora do Navegapará na Secti. Para o titular da Secretaria, Alex Fiúza de Mello, o edital inaugura uma nova forma de gerir o programa. “Queremos ampliar o número de infocentros disponíveis em todo o Estado e dar conteúdo a esse uso, com programas sociais de interesse público, acoplados aos novos acordos que serão firmados. Isso dará mais sustentabilidade administrativa e abrangência social”, destacou o secretário. Três tipos ou modalidades de parcerias compõem o novo modelo de gestão: a) Modalidade 1 (link de internet); b) Modalidade 2 (link de internet e computadores); c) Modalidade 3 (link de internet, computadores e bolsistas monitores). As modalidades 2 e 3 vigoram, atualmente, contemplando 186 infocentros já implantados.

Fonte: Agência Pará

sexta-feira, 27 de abril de 2012

RAPIDINHAS

*** O PDT de Portel lança oficialmente o nome do empresário João Henrique (Eletroloja) como candidato à prefeitura. Muitas lideranças convidadas a participar deste lançamento.

*** Outro pré-candidato, Dr. Miro Pereira, percorre as comunidades do interior do municipio par conversar com as lideranças e buscar apoio ao seu nome como candidato da situação.

*** Soure receberá entre os dia 02 e 06/05 a Caravana do PRO PAZ "Presença Viva" . O vice-prefeito, Fernando Tobias, está à frente da organização local e dará apoio logístico total ao programa. Aliás, apenas em SSBV a Caravana encontrou resistência da gestão (PT) no apoio.. Triste isso !

*** Por falar emm SSBV, hoje é aniversário de 56 anos do ex-prefeito, Laércio Pereira. O blog o parabeniza e deseja sucesso nas novas caminhadas...

*** Chegamos às 150 mil visualizações de postagens.. Com 3 anos no ar, o Blog cresce a cada dia e se firma com um dos mais acessados do Marajó.. Muito obrigado  a todos ...

quinta-feira, 26 de abril de 2012

NOVA DECISÃO JUDICIAL AUMENTA PARA 4 O NÚMERO DE FACULDADES SUSPENSAS NO PARÁ

No total, MPF já atua em 17 casos de faculdades irregulares ou com suspeitas de irregularidades no Estado

A Justiça Federal no Pará determinou a suspensão das atividades do Instituto de Educação Superior e Serviço Social do Brasil (Iessb). A decisão foi comunicada esta semana ao Ministério Público Federal (MPF), que processou a faculdade por promover cursos de graduação sem estar credenciada no Ministério da Educação.
É a quarta faculdade suspensa no Estado pelo mesmo motivo. Além do Iessb, a Justiça já determinou a suspensão das aulas e das propagandas sobre cursos de nível superior promovidos pela Faculdade de Educação Tecnológica do Pará (Facete) e pela Faculdade de Educação Superior do Pará (Faespa). Outra instituição que teve as atividades interrompidas foi a Faculdade Teológica do Pará (Fatep), por meio de acordo assinado este ano com o MPF.
Com base em denúncias de alunos, o MPF também está atuando em mais 13 casos de faculdades irregulares ou com suspeitas de irregularidades . A maioria delas já recebeu recomendação do Procurador Regional dos Direitos do Cidadão, Alan Rogério Mansur Silva, para interromper as atividades caso não possam comprovar que estão autorizadas pelo MEC a promover cursos de nível superior.

Osead – Na mesma decisão que obriga o Iessb a suspender as atividades irregulares, a juíza federal Isaura Cristina de Oliveira Leite proibiu que a Organização Social Evangélica da Assembleia de Deus (Osead) faça qualquer tipo de convênio com instituições não credenciadas pelo MEC com o objetivo de intermediar a diplomação de alunos dessas instituições.
De acordo com informações encaminhadas pelo MPF à Justiça, a Osead, que tinha convênio com o Iessb, responde a processo de descredenciamento no MEC por emitir diplomas de maneira irregular a diversas instituições no Pará, Piauí e Maranhão. Caso o Iessb e a Osead descumpram a decisão, ficam sujeitos a multa de R$ 2 mil relativa a cada ato de descumprimento, determina a decisão.

Cooperação – Para realizar processos seletivos que avaliem a possibilidade de os alunos reaproveitarem em faculdades regularizadas os estudos que fizeram nas faculdades ilegais, algumas instituições estão se organizando.
As Faculdades Integradas Ipiranga e a Universidade da Amazônia (Unama), que são credenciadas no MEC, assinaram termo de cooperação técnica com a União de Ensino Superior do Pará e com o Sindicato dos Estabelecimentos Particulares de Ensino do Estado do Pará.
A avaliação será realizada por meio de provas oral e escrita.
. “É importante frisar que os estudos serão aproveitados apenas com a aprovação do candidato nos exames e estritamente de acordo com o desempenho que cada candidato obtiver”, ressalta o Procurador Regional dos Direitos do Cidadão.

Fonte: MPF/PA

terça-feira, 24 de abril de 2012

PREFEITOS SE REUNEM EM BRASÍLIA COM O PRESIDENTE DA NORTE ENERGIA E CONSEGUEM 10 MILHÕES DE REAIS PARA A REGIÃO

Foi realizada na última quarta-feira, (18), em Brasília – DF uma reunião entre a diretoria da Norte Energia e os prefeitos do Consórcio Belo Monte. A reunião contou com a presença dos prefeitos dos municípios de Medicilândia, Ivo Muller; de Porto de Moz, Berg Campos; Gurupá, Moacir Alho; Placas, Negão Brandão; Brasil Novo, Alexandre Lunelli; Vitória do Xingu, Vando; Pacajá, Padre Edmir, o prefeito de Uruará, Eraldo Pimenta - Presidente do Consórcio Belo Monte e do secretário Executivo do Consórcio Belo Monte, Dino Barille.
A diretoria da Norte Energia esteve representada pelo Dr. Carlos Nascimento e o diretor Ambiental Dr. Roberto Camilo, onde o prefeito Eraldo Pimenta, entregou projetos em nome dos municípios, no sentido de atender todas as áreas de gestão pública na região de abrangência da Hidrelétrica de Belo Monte, “apresentamos um Plano Emergencial de Saúde, debatido exaustivamente com todos os secretários de saúde da Transamazônica e Vale do Xingu.
 E, além deste plano de saúde, colocamos projetos para atendimento nas áreas de infraestrutura, agricultura, educação, entre outras prioridades para a região”, explicou o prefeito Eraldo Pimenta, presidente do Consórcio. Eraldo Pimenta, e os demais prefeitos que se fizeram presentes na reunião, deram ênfase aos pedidos relacionados à questão da saúde na região, pois a demanda em Altamira teve um crescimento considerável, “tendo assim, os municípios, dificuldades para conseguir leitos no Hospital Regional, localizado na cidade de Altamira”, enfatizou.

Fonte: Jornal Fatos Regionais

AMARC DEBATE A REALIDADE DAS COMUNITÁRIAS E UMA NOVA LEI DE COMUNICAÇÃO

A Associação Mundial de Rádios Comunitárias (Amarc Brasil) inicia no próximo sábado (28), na capital cearense Fortaleza, o ciclo de seminários “Uma nova lei para as rádios comunitárias: marco regulatório e direito à comunicação”.  A entidade pretende promover um espaço de formação política para a sociedade civil. O tema do ciclo de seminários irá percorrer as cinco regiões do país.
No nordeste, o evento será realizado na Universidade Federal do Ceará.
Na véspera, no dia 27 de abril, uma audiência pública na Assembleia Legislativa do estado debaterá a realidade das emissoras comunitárias com a presença de parlamentares e de outras entidades que lutam pelo direito à comunicação. Esta reunião contará com a presença de Maria Pía Matta, presidenta da Amarc internacional.
Continue lendo .....

NOTA DO BLOG
Importantíssimo este debate para se entender a realidade das rádios comunitária no Brasil. Mas, coibir o uso indevido destas rádios também precisa ser abordado
O uso do proselitismo religioso e político em rádios comunitárias no Marajó tornou-se comum.
É inadmissível  que indivíduos inescrupulosos se aproveitem da concessão para a exploração do serviço de radiodifusão (que geralmente é concedida à entidades ou sindicatos) e se intitulem "donos" da rádio comunitária.
"As rádios comunitárias pertencem à comunidade por ela coberta"

PAIS QUE ENTREGARAM FILHA DE 10 ANOS A HOMEM SÃO INDICIADOS EM BREVES

O delegado Márcio Cavalcante, da Superintendência Regional das Ilhas do Marajó, em Breves, indiciou por crime de favorecimento à exploração sexual os pais de uma menina de dez anos. A criança foi dada pelos pais para viver maritalmente com um homem, na região ribeirinha do município. O agricultor Pedro Cardoso (Foto), de 32 anos, de apelido "Tenente", que convivia com a criança, permanece preso na sede da unidade policial em Breves à disposição da Justiça, por estupro de vulnerável. Exames de sexologia forense realizados na menina comprovaram que a vítima sofreu diversos abusos sexuais por parte do acusado. O inquérito sobre o caso foi concluído e já está no Fórum Judiciário de Breves. A informação foi divulgada nesta terça-feira, 24. O policial civil relatou que o crime foi constatado durante investigações realizadas em conjunto pela Polícia Civil, Polícia Militar e Conselho Tutelar de Breves.
 As equipes foram até a região ribeirinha, conhecida por comunidade Rio Piranha, na zona rural do município, para apurar denúncia de que uma menina teria sido entregue pais a um homem para viver com "mulher" dele. No local, os agentes encontraram a criança na casa do acusado. Em seguida, localizaram os pais dela, Raimundo Ferreira, de 41 anos, e Luziane Cardoso, 36. Em depoimento, os pais confirmaram que haviam entregue a filha ao agricultor em troca de ajuda financeira, segundo informações apuradas pelo conselheiro tutelar Clodoaldo Souza. A criança foi imediatamente conduzida pela Polícia Civil para realização de exame de sexologia forense no Hospital Municipal de Breves. "O exame comprovou vestígios de conjunção carnal recente", detalhou o delegado. No depoimento prestado na Superintendência, a menina declarou que sentia muitas dores por conta das relações sexuais a que submetida pelo acusado. “Tenente” foi preso em flagrante delito por estupro de vulnerável de acordo com o artigo 217-A, do Código Penal Brasileiro.
 A Comarca de Breves já homologou a prisão de Pedro Cardoso. Na mesma ocasião, os pais da criança foram indiciados pela entrega da filha a terceiro mediante paga ou recompensa. O crime é previsto no artigo 238, do ECA. O delegado, ao detalhar os fatos, disse ter ficado abismado com a situação. "Trata-se de uma criança franzina, que foi abusada diversas vezes pelo acusado", enfatizou. A criança foi encaminhada pelo Conselho Tutelar de Breves ao abrigo da Casa de Passagem daquele município, onde recebe acompanhamento de psicólogos e assistentes sociais. O delegado ressaltou que a prática de entregar filhos pequenos a adultos em troca de ajuda financeira é crime e deve ser combatida.

Fonte: Polícia Civil

segunda-feira, 23 de abril de 2012

SESPA PROMOVE OFICINA DE INSPEÇÃO EM INDÚSTRIAS DE PALMITO

Para ampliar o conhecimento das ações de vigilância sanitária voltadas para inspeção em indústrias de beneficiamento de palmito em conserva, a Secretaria de Estado de Saúde Pública (Sespa), por meio do Departamento Estadual de Vigilância Sanitária, promove, de terça a quinta-feira (26), a oficina sobre inspeção em indústrias de beneficiamento de palmito em conserva, no Laboratório Central do Estado (Lacen).
 A técnica da Divisão de Controle de Qualidade dos Alimentos, Suely Ribeiro da Silva, informa que a oficina “abrangerá todas as etapas do processo com identificação de riscos que possibilitem interferência na qualidade sanitária do produto ofertado à população, integrando conhecimentos das vigilâncias sanitárias regionais e municipais como forma de buscar ação conjunta para as fiscalizações com objetivo de sensibilizar, efetivar e fortalecer a descentralização das ações de Vigilância Sanitária”.
 No contéudo programático da atividade, destacam-se o processo de industrialização do palmito em conserva, desde a colheita da matéria-prima até a expedição do produto pronto.; o fluxograma do processamento, curva de acidificação, preparo da salmoura, higienização dos toletes, envase e aditivos ou coadjuvantes usados; tratamento térmico de conservas: parâmetros da pasteurização e esterilização comercial, equipamentos usados, controles e registros de operação, recravação de latas, controle da recravadeira, fechamento de vidros e teste de fechamento.
 A oficina também abordará leis e portarias pertinentes ao assunto, de forma a defender a saúde do consumidor, evitando que os produtos de origem animal e vegetal possam sofrer contaminação por microorganismos prejudiciais a saúde humana. Mais informações sobre inscrições para a oficina podem ser solicitadas pelo pelo telefone 4006-4283.

Fonte: Agência Pará

PESCADORES ARTESANAIS QUEREM PROTEÇÃO PARA O LAGO ARARI

A principal reivindicação é transformá-lo em Reserva de Desenvolvimento Sustentável 

 Belém (23.04) – Os pescadores artesanais de Santa Cruz do Arari, no Marajó, estão preocupados com uso desorientado dos recursos hídricos e pesqueiros do Lago do Arari, maior e mais importante da região. A Colônia de Pescadores e a Associação de Pescadores do município se uniram para buscar uma medida de proteção para garantir a conservação da principal fonte de subsistência dos moradores da cidade.
No próximo mês de junho, uma Assembleia Geral dos pescadores vai recolher assinaturas e construir um documento de reivindicação para que o Lago do Arari seja transformado em Reserva de Desenvolvimento Sustentável - RDS, categoria de Unidade de Conservação do Sistema Nacional de Unidades de Conservação (SNUC). O abaixo-assinado será enviado ao Instituto Chico Mendes de Biodiversidade (ICMBio) e a Superintendência de Patrimônio da União (SPU), da Casa Civil.
A decisão foi tomada durante uma reunião para discutir qual a melhor alternativa de destinação legal do lago, realizada na Colônia de Pescadores, com o apoio do Colegiado de Desenvolvimento Territorial do Marajó (Codetem), Associação de Municípios do Arquipélago do Marajó (Amam), Prefeitura de Santa Cruz e Instituto Peabiru, por meio do Programa Viva Marajó.
 “Há 25 anos havia uma parte do lago em que a pesca do tucunaré era farta, hoje não se encontra este peixe”, relata Roberto Santos, 75 anos, pescador da associação. Um dos principais indicadores da diminuição significativa do estoque pesqueiro do lago é o aumento de horas de pescaria para conseguir uma pequena quantidade de peixes. O lago também vive um regime de grande seca durante o verão, e os pescadores denunciam o represamento de água em algumas fazendas. Segundo Manoel Potiguar, assistente de projetos do Programa Viva Marajó, presente na reunião, transformar o lago em Reserva de Desenvolvimento Sustentável é a melhor estratégia para garantir a fiscalização. “Assim, pescadores e fazendeiros do entorno do lago vão precisar se adequar a novas regras de uso, mas sem sair de suas propriedades”, explica Potiguar.

Assessoria de Imprensa:
Suelen Carvalho - Gerente de Comunicação - Instituto Peabiru
Tel 55.91.3222.6000
Cel 55.91.8159.9089

REFORMA DO CÓDIGO PENAL DEVE INCLUIR CRIME DE ENRIQUECIMENTO ILÍCITO

BRASÍLIA - A comissão de juristas do Senado que discute mudanças no Código Penal aprovou nesta segunda-feira, 23, uma proposta que cria o crime de enriquecimento ilícito. Pelo texto, servidores públicos e agentes políticos que não conseguirem comprovar a origem de determinado bem ou valor poderão responder a processo na Justiça.
 Atualmente, não existe tal crime no código. Os integrantes decidiram que o novo tipo penal valeria para bens móveis (carros, títulos, entre outros) ou imóveis (terrenos, apartamentos, por exemplo) de origem não comprovada.
Se for aprovado, o crime de enriquecimento ilícito teria pena de um a cinco anos de prisão.
 Para o relator da comissão, o procurador regional da República Luiz Carlos Gonçalves, a proposta é um "momento histórico" na luta contra a corrupção no País. "Criminalizamos a conduta do funcionário público que enriquece sem que saiba como", afirmou.
 A comissão deve apresentar até maio um texto final ao presidente do Senado, José Sarney (PMDB-AP). Caberá a ele decidir se apresenta um único projeto ou se inclui as propostas a projetos já em tramitação na Casa.

Fonte: O Estadão

VEM SUMANO !!!

Dia do Marajó apresenta estratégias de fomento econômico para a região 

 Belém (23.04) – São muitas as riquezas do Marajó, tanto em cultura e tradições, como em biodiversidade e economia. Além do açaí, que tem produção mais ampla, a região tem outras cadeias, como sementes oleaginosas para a indústria de cosméticos, pesca artesanal, mandioca e madeira legalizada. O desafio é tornar todo este potencial benefício para a população dos 16 municípios marajoaras.
 O próximo encontro do Dia do Marajó, amanhã, dia 24 de abril, aborda o tema e debate os caminhos para o desenvolvimento econômico da região.
O evento, promovido todos os meses pelo Instituto Peabiru, por meio do Programa Viva Marajó, levanta quais são as referências para a tomada de decisões sobre linhas de crédito e outros investimentos. O tema será “Economia do Marajó: fomento e investimentos da região”. O Superintendente da Companhia Nacional de Abastecimento (Conab), José Americo Vianna, já confirmou presença. O gerente do Banco da Amazônia, Wilson Carvalho, responsável pelas concessões de crédito para o Marajo, é também um dos palestrantes.
Segundo o coordenador do Programa Viva Marajó, Carlos Augusto Ramos, existem linhas de crédito e recursos, porém o acesso ainda é difícil para as famílias ribeirinhas. “Não temos assistência técnica suficiente para atender a demanda sobre elaboração e execução de projetos de financiamento”, destaca.

Desafios – O Diagnóstico Socioeconômico, Ambiental e Cultural do Arquipélago do Marajó, realizado pelo Instituto Peabiru como apoio à implementação de sustentabilidade das áreas protegidas da mesorregião marajoara, aponta o monitoramento da produção nos municípios como uma ferramenta facilitadora de financiamentos de projetos econômicos locais. Para Ramos, monitorar e mostrar o que o município produz é fundamental. “Alguns dados do IBGE, muitas vezes, subestimam a produção de divisas geradas e tais dados são referências para as tomadas de decisões sobre investimentos na região”, explica.

Atração Cultural – O próximo Dia do Marajó vai contar ainda com um recital de poesias do poeta de Cachoeira do Arari, Antônio Moribeta. O “Dia do Marajó” foi lançado em 2010 pelo Programa Viva Marajó, coordenado pelo Instituto Peabiru e o Fundo Vale para o Desenvolvimento Sustentável. O evento é mensal e reúne todos os meses agentes ambientais, pesquisadores, representantes de instituições e cidadãos para discutir e encontrar novos caminhos para o desenvolvimento sócio-ambiental da região.

UTILIDADE PÚBLICA

Fonte: Rony Noronha

OFICINA "MAÇAI-NAEA" EM SSBV

São Sebastião da Boa Vista estará sediando oficina do MAÇAÍ / UFPA no auditório da UAB.
Inscrições com a professora ROSANA
Público Alvo: Professores, Graduandos, Associações e Cooperativas de Produção de Açaí, Artistas, Artesãos e demais interessados.
Todos receberão certificados
Fonte: Nadia Alinne Fernandes

domingo, 22 de abril de 2012

RAPIDINHAS

*** O Dep. Estadual do Amapá, Dalto Martins/PMDB, que faleceu no último dia 20 vítima de um acidente aéreo (mais aqui) era marajoara de Breves. Médico, oficial da PM de São Paulo, Dalto estava em seu 3º mandato no Amapá.

*** Parece que os críticos do arrozeiro Paulo Cezar Quartieiro deram uma trégua após audiência pública em Cachoeira do Arari com a presença de gente da FAEPA, Dep. Waldir Ganzer/PT e politicos locais. Estranho

*** A hegemonia do FUTSAL marajoara está subindo o Rio Pará. Ontem em SSBV a equipe do MAC de Curralinho venceu a equipe local por 6 a 3. Mas, sem duvida a equipe boavistense ainda figura como uma das melhores  equipes do Pará.

*** A violência toma conta dos rios marajoaras. No Rio Anapu (Portel) , do ultimo dia 17, quatro bandidos e um morador foram mortos após tentativa de assalto. A ausência do estado é gritante.

*** Eleições 2012: Semana que entra promete muitas novidades em vários municípios marajoaras com a divulgação de pesquisas de intenção de voto. E em um certo município as surpresas virão por conta da divulgação de documentos que comprovam recursos recebidos de diversas obras inacabadas...

Até breve...

EDUCADORES DE PORTEL: Quatro bandidos são mortos no rio Anapu

EDUCADORES DE PORTEL: Quatro bandidos são mortos no rio Anapu: Um assalto à casa de um idoso no Igarapé Curumeteu, rio Anapu, terminou em tragédia para cinco bandidos que costumavam roubar os ribeirin...

sábado, 21 de abril de 2012

ELEIÇÕES 2012: PRÉVIAS DO PT EM GURUPÁ DÁ VITÓRIA A RAIMUNDO NOGUEIRA

Reproduzo abaixo post do blog do Jornalista santareno, Jeso Carneiro (15/01/09)

"De volta ao cargo depois de 12 anos, o prefeito eleito Moacir Alho (Gurupá) começa seu governo diferente. Bem diferente. Pelo menos da maioria dos seus companheiros de partido, o PT. 
Sua 1ª atitude ao tomar posse foi o de não nomear parentes para qualquer cargo. Sobrou até para a esposa do gestor. A pasta de Assistência Social, normalmente ocupada pela primeira-dama do município, foi parar nas mãos de um partido aliado.
 Mas não atacou só o nepotismo não. Foi à luta também contra o mau uso do dinheiro público.
 Decidiu não nomear os ocupantes para todas as secretarias existentes em Gurupá. Achou por bem, pelo menos por enquanto, só fazer funcionar 4 pastas - Saúde, Educação, Finanças e Assistência Social. 
Isso tudo em menos de 15 dias de gestão. Moacir, no entanto, diz a todos que a sua “revolução” está apenas no começo."


Hoje (21) Gurupá viveu um dia importantíssimo para o futuro administrativo da cidade.
As prévias internas do PT, partido que há 12 anos consecutivos está no poder, sacramentou a vitória do ex-prefeito, Raimundo Nogueira.
Em 2009, estivemos por lá e já prevíamos este retorno.
Moacir Alho, prefeito eleito em 2008 ( já havia sido prefeito entre 93/96), prometia dar um novo rumo pra cidade. Mas, um pouco depois do post reproduzido acima, as coisas seguiram os caminhos que todos temiam.
Deu no que deu...


ELEIÇÕES 2012: OPOSIÇÃO EM SSBV

Depois da divulgação feita pelo blog sobre a chapa "puro-sangue" petista AQUI para as eleições que se aproximam, os ânimos na "base" governista em SSBV ficaram abalados. Esse fato mostrou a enorme fragilidade na estrutura que pretende levar os vernelhinhos para um 3º mandato.
O PSB, hoje com comissão provisória comandada pela vereadora Maria José Teixeira (Tia Zeca), já sente a canela doer com as articulações do ex-secretário (pelo menos no papel) de saúde, Delcimar Viana, para impor seu nome à vaga de vice na chapa da situação.Com poucos espaços no governo municipal, o PSB já pensa em alçar vôo
Do outro lado desta corrida eleitoral encontra-se uma oposição se organizando a cada dia. Os diversos nomes colocados na mesa para assumir o papel que pode (e com muitas chances) tirar a cidade do atraso , estão em pleno e árduo trabalho pra se organizar.
Mas, sem duvida, quem deslancha na frente nesta corrida é o Ver. Reinaldo Silva/PMDB. Com total apoio dos caciques peemedebistas, Ver. Rei se habilita a assumir o comando da oposição ao petismo/pereirismo enraizado na estrutura administrativa da cidade.
Porém, em conversa recente com o blogueiro, Reinaldo Silva informou que as conversas ainda estão abertas e que qualquer um dos principais nomes da oposição, Hilton Lima/PSD e Salomão Donato/PSDB, além do dele, podem encabeçar a chapa..
Agora é aguardar...

BURA SUMANO !!!


SOURE: PESQUISA APONTA DADOS SOBRE MULHERES EM SITUAÇÃO DE PROSTITUIÇÃO

Ruas, bares, esquinas, casa noturnas, estes foram os principais locais percorridos para o levantamento de dados sobre os direitos sexuais e reprodutivos de mulheres em situação de prostituição realizados nos estados do Amapá, Pará e Tocantins.
 No total, 95 mulheres em situação de prostituição, com idades entre 15 a 30 anos, participaram do Projeto Meu Ventre, Meu Tempo. Para obter os resultados do levantamento foi aplicado um questionário com sete perguntas sobre os motivos para início na prostituição, violência doméstica e/ou sexual, tratamento preventivo, interrupção voluntária da gravidez (aborto) e tráfico de mulheres. Das mulheres entrevistas 73,34% iniciaram na prostituição ainda na adolescência, com idade entre 12 a 15 anos. Entre os motivos destacam-se: a necessidade financeira, falta de opção, criar os filhos, fugir do abuso sexual na infância-adolescência.
 No levantamento também foi apontado que 56% das entrevistadas já sofreram algum tipo de violência sexual. Quando perguntadas sobre o aborto, 52% afirmaram que já fizeram a interrupção e 11% preferiram não responder a pergunta. No Tocantins a pesquisa foi realizada nos municípios de Dianópolis, Paraíso e Palmas. No Pará foi realizada na Ilha de Marajó, na região de Soure. E no Amapá, a pesquisa foi aplicada no município Pedra Branca do Amapari.
 “Esperamos que com este trabalho possamos contribuir para a efetivação dos direitos e servir ainda como referência para solucionar as dúvidas do cotidiano de diversos profissionais e ativistas de direitos humanos, em especial das próprias mulheres que são alvo deste trabalho”, destacou a presidenta da Casa 8 de Março, Bernadete Aparecida Ferreira. A cartilha Pela Vida, Por Todas que contém as informações completas sobre o levantamento de dados, realizado entre novembro de 2010 a novembro de 2011, está disponível na sede da Casa 8 de Março e também para download no site institucional da entidade: www.casaoitodemarco.org.br. Projeto O Projeto Meu Ventre Meu Templo é uma ação do GMEL - Grupo Mulher, Ética e Libertação, e executado pela Casa Oito de Março - Organização Feminista do Tocantins com o apoio do Fundo Social Elas. O GMEL – Grupo Mulher, Ética e Libertação é formado por mulheres que estão e/ou estiveram em situação de prostituição.
São mulheres que lutam por melhores condições de vida, pelo direito humano a não se prostituir e por políticas públicas voltadas para a igualdade e equidade no acesso a direitos. A Casa 8 de Março é uma Organização feminista, sem fins lucrativos, com sede em Palmas,Tocantins e atuação desde 8 de março de 1998. E tem como principal objetivo apoiar a luta das mulheres marginalizadas, em situação de prostituição, trabalhadoras rurais e em situação de vulnerabilidade social.

Fonte: http://www.ogirassol.com.br/pagina.php?editoria=Últimas+Notícias&idnoticia=38385

TERMO PREVÊ PLANO PARA DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL EM PORTEL

O projeto de Desenvolvimento Local de Portel, na ilha d Marajó, avançou mais uma etapa. Os institutos de Desenvolvimento Florestal (Ideflor) e de Terras do Pará (Iterpa), a Prefeitura de Portel e o Sindicado dos Trabalhadores Rurais do município assinaram um termo de compromisso para a implantação do plano de uso dos recursos naturais nas comunidades de Jacaré Puru, Acangatá, Alto Camapari e Acutipereira.
São cerca de 260 mil hectares de terras devolutas, degradadas pela indústria madeireira e onde o Estado pretende fazer o ordenamento fundiário e ambiental para o fortalecimento da organização comunitária das duas mil famílias que lá moram. A primeira etapa desse processo foi o Diagnostico Rural Participativo, com levantamento das comunidades locais.
Além da organização do uso dos recursos naturais, o Iterpa está regularizando as áreas, com a discriminação e a arrecadação fundiária. Após o georreferenciamento e o levantamento cartorial, os quatro territórios serão transformados em glebas públicas para projetos de assentamento.
O projeto também prevê a potencialização do uso econômico das áreas envolvidas, com planos de negócio. Segundo o técnico em gestão ambiental do Ideflor, Daniel Frances, as terras em questão foram bastante exploradas pela indústria madeireira, sem qualquer retorno para a comunidade local. “Serão desenvolvidos projetos de geração de renda para as familiais que dependem da floresta”, explica. Daniel Frances diz que mesmo com a exploração desordenada, a terra ainda é rica em recursos naturais, como a madeira, sementes e oleaginosas. “A madeira pode ser usada na movelaria no artesanato.
Também podemos trabalhar a produção essenciais e óleos, como andiroba e outros”, destaca. O trabalho voltado para o cooperativismo também é uma das metas do projeto, que prevê a adoção de praticas sustentáveis dos recursos naturais, restauração das florestas em áreas alteradas processamento e comercialização de produtos e serviços florestais e agroflorestais em escala comercial de produção com enfoque agroecológico.

Fonte: Agência Pará

sexta-feira, 20 de abril de 2012

SIAMESES DE ANAJÁS COMPLETAM 4 MESES

Há quatro meses nasceram no Pará Jesus e Emanuel, um dos raros casos registrados de nascimento de gêmeos siameses no Estado. Naturais de Anajás, no Marajó, eles foram transferidos para a capital paraense com um dia de vida, em dezembro do ano passado, onde permaneceram internados por cerca de dois meses na Santa Casa de Misericórdia.
 Médicos explicaram que o caso raro aconteceu por conta do ovo (gerado após a fecundação) que passou por divisão com duas semanas de atraso, ocasionando a anomalia.
 As crianças estão há dois meses no Hospital de Clínicas em Belém, onde já passaram por diversas intervenções médicas, entre elas, uma cirurgia para a colocação de um 'stent' em Jesus. O procedimento foi necessário para tentar corrigir um entupimento na veia da criança, que impede a circulação sanguínea, que gerou inclusive um problema no pulmão por falta de fluxo sanguíneo adequado, mas que deve ser corrigido com a intervenção cirúrgica.
 Os médicos consideram o quadro clínico das crianças estável, apesar de Jesus estar com várias complicações. Emanuel se alimenta normalmente e não tem problemas, já Jesus se alimenta por meio de tubos. Uma posível separação dos irmãos foi descartada pelos médicos logo após os primeiros exames, que constataram a presença de dois indivíduos que compartilham apenas alguns órgãos.
A divisão só pode ser pensado caso um dos gêmeos venha a óbito. A mãe das crianças, uma jovem de 25 anos, acompanha de perto o desenvolvimento dos filhos e aguarda o dia que possa levá-los para casa o que, segundo os médicos, ainda não tem data para acontecer.
Fonte: ORM


quarta-feira, 18 de abril de 2012

SEMED DE GURUPÁ RECEBERÁ PRÊMIO NACIONAL

 Extraído do Blog do Orlando Dias
No terceiro ano consecutivo o municipio marajoara, ganha projeção nacional por eficiência na educação.  A titular da pasta, Profª Maria Jacirene Coelho Dias, comemora com todos os profissionais da área o fato de a Secretaria Municipal de Educação estar incluída no ranking das 100 melhores do país. 
Essas secretarias serão contempladas este ano com o "Prêmio Palma de Ouro", que é a maior premiação nacional na categoria.
Mais de 5.600 municípios foram avaliados na pesquisa que observou critérios como implantações pedagógicas, obras municipais na área do saber, aplicação dos recursos 25% da verba pública para a educação, análise da gestão democrática do ensino público, gerenciamento dos serviços educacionais, definição da política municipal de educação e projeção da cidade nos meios de comunicação no âmbito educacional, com a consepção Humanitária, Empreendedora e Inclusiva.
Em reconhecimento às boas práticas no âmbito da educação municipal aqui de Gurupá, a secretária receberá o Prêmio Palma de Ouro, que será entregue em maio, na cidade de Florianópolis (SC).
 Secretário destaca importância da conquista ao ser informada do prêmio, a secretária disse ser um orgulho para todos que fazem a Secretaria Municipal de Educação e a administração verem o trabalho realizado em prol de uma educação com qualidade ser reconhecido pela valorização dos profissionais.
Destacou todo o empenho e dedicação do prefeito Moacir Gonçalves Alho, "Moacir Alho" (PT), que tem dado condições necessárias para o pleno desenvolvimento das ações em favor da educação do município, elevando a educação deste municipio a nível nacional.
Agora, a secretária se prepara para ir receber o Prêmio Palma de Ouro, que será entregue durante o Encontro Nacional de Secretários Municipais de Educação, promovido pelo Educa Brasil 2012, de 3 a 6 de maio do corrente ano.
A solenidade será no Costão do Santinho Resort, Goll e Spa, na cidade de Florianópolis, capital de Santa Catarina.
Parabéns Gurupá;

DESCASO, ETERNO DESCASO

Extraído do blog LABORATÓRIO DE DEMOCRACIA

COMO NÃO CHEGAR A ILHA DE MARAJÓ (pagando)

Caros(as), Gostaria de informar a todos o descaso que ainda é o transporte para a Ilha do Marajó, espero que ao menos o repasse deste email abra os olhos pra quem pretende usufruir deste paraíso tão renegado pelas nossas autoridades. O transporte ainda é (como sempre foi) controlado pela HENVIL TRANSPORTES, monopólio dominado a décadas por um grupo familiar, sem que haja qualquer contestação.
Neste fim de semana estive na ilha para dar continuidade a um projeto de pesquisa com mais três comnpanheiros de empreitada. A saída da balsa de Icoaraci, que estava marcada para as 7:30, atrasou meia hora. Como de costume, apenas aceitamos calados. O pior ainda estava por vim... Comprei as passagens (passageiros e veículo) de ida e volta ainda em Belém no terminal rodoviário na quarta-feira (11) para não correr nenhum risco de perder a possibilidade de atravessar a baia do Marajó no único transporte que existe: a balsa da HENVIL.
Conforme estabelecido pela própria empresa, chegamos bem antecipado para o embarque, o que ocorreu na ida (sentido Icoaraci-Camará), mesmo com o atraso de meia hora. O problema maior foi o retorno. Como todos devem fazer, no dia 15/04 (neste ultimo domingo) calculamos a saída de Salvaterra para que desse tempo de chegarmos até o porto do camará tranquilamente para atravessarmos de volta a Icoaraci. Chegamos com vinte minutos de antecedência e, para nossa surpresa a balsa de HENVIL já havia saido. Como se por uma decisão de um comandante supremo da embarcação ou mesmo obedecendo ordens hovesse o direito de quebrar o contrato estabelecido no próprio bilhete de passagem der sair no horário estabelecido.
Ficamos literalmente "a ver navio" pois ainda podia se obeservar a embarcação do porto do Camará e, mesmo que outros prejudicados que chegaram no porto antes de nós acenassem para que por "pena ou misericórdia ou quem sabe pelo exame de conscìência do erro" o comandante retornasse, em vão... e ainda havia um barrigudinho funcionário da embarcação dando adeus para os "semi-náufragos".
Neste momento o que fazer? a quem recorrer? pra quem ligar? não havia nenhum funcionário da empresa no porto, nem fiscalização, polícia, nada! um verdadeiro lugar de passageiros, apenas.
Pois bem,para não ficar em branco, reunimos nós e mais sete prejudicados com seus veículos e retornamos a Salvaterra para procurar abrigo, pagando mais uma diária de hotel e fazer um B.O na delegacia do município, onde nos foi informado que este episódio é corriqueiro. Na delegacia tocou o telefone da mesa do escrivão, era um funcionário da HENVIL que trabalha no porto e que, segundo ele, ao ver nossa revolta no porto, não quis se manifestar. Perguntava ele se tinha aparecido alguém para reclamar da saída antecipada da balsa, o quer o escrivão respondeu positivamente.
O telefone foi desligado e logo em seguida tocou novamente, era o delegado geral da região que estava em Soure. Este após ter recebido um telefonema da HENVIL queria saber o que estava acontecendo, e informava que poderíamos embarcar no dia seguinte com a mesma passagem sem ônus a mais. Como se fosse apenas uma questão de dinheiro para passagem, não se importando se perderíamos um dia dos nossos compromissos profissionais, ou mesmo se teríamos prejuízos com hotel e com o veículo que estava alugado.
Retrucou informando que a HENVIL não tinha como mandar outra balsa para buscar apenas um veículo, duas motos e sete pessoas, ou seja, teríamos que aguardar até o dia seguinte e pior, até a tarde, pois só tem balsa às 16hs. Mesmo assim fizemos o B.O e como ainda me encontro em Salvaterra aguardando a hora do embarque de volta ainda não pude fazer nada. Mas entraremos com um processo coletivo pela quebra de contrato desta empresa, além de procurar todos os órgãos competentes: ARCON, PROCON, Minisitério Público, e até a imprensa, além é claro de solicitar a todos que leram este ralato que o divulguem para suas listas de contato para que quem quiser vir ao Marajó se prepare entecipadamente para os transtornos que estarão sujeitos. Em resumo, compreende-se que, assim como a HENVIL pode a seu bel prazer atrasar a saída das balsas também pode adiantar e quem quiser vá reclamar em outra freguesia, afinal só dá pra atravessar por ela.

Edgar Chagas 
Salvaterra, 16 de abril de 2012. 13:25hs 

 AGORA PERGUNTAMOS: É ASSIM QUE QUEREM INCENTIVAR O TURISMO NO MARAJÒ?



MIRO PEREIRA RECEBERÁ DIPLOMA DE HONRA AO MÉRITO EM MARITUBA

O advogado marajoara e pré-canditato à prefeitura de Portel, teve seu nome aprovado por unanimidade para receber da Câmara Munipal de Marituba ( Região Metropolitana de Belém) um diploma de honra ao mérito pelos relevantes serviços prestados ao povo maritubense e pelos resultados alcançados pelo seu  trabalho na secretaria de finanças e educação do municipio.
Hoje, em seu perfil no Facebook, Miro Pereira prometeu divulgar o que levou ele a se desfiliar do PPS, onde exercia a vice-presidência estadual, para entrar do PMDB e encabeçar um projeto abonado por lideranças peemedebistas, como : Helder Barbalho, Xarão Leão, Pedro Barbosa e outros...
Aproveita pra mandar um recado..
" A quem interessar possa: Eu serei o candidato do PMDB à prefeitura de Portel " 

VEM SUMANO !!!


Fonte : Dilce Costa

FAMEP COBRA DA REDE CELPA QUE A TAXA DE ILUMINAÇÃO PÚBLICA SEJA REPASSADA AOS MUNICÍPIOS








































Fonte : @famep1

EMATER INAUGURA NOVO PRÉDIO EM GURUPÁ

O escritório local da Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural do Estado do Pará (Emater) em Gurupá, no Marajó, desde o final de março está funcionando em um espaço três vezes maior. A mudança de sede representou, também, a conquista de uma área exclusiva para a Emater no centro da cidade, já que, até então, o escritório funcionava em uma sala no prédio da Secretaria Municipal de Agricultura (Semagri).
 “De uma sala pequena, passamos para uma casa de oito cômodos e mais quintal com pomar. O conforto que agora podemos oferecer ao agricultor é incomparável”, diz o chefe do escritório da Emater, o engenheiro florestal Ted Fonseca. Oficializada no município há mais de 10 anos, a Emater atende hoje mais de 500 famílias, que vivem principalmente do extrativismo de açaí e da pesca artesanal. São três especialistas atuando: um engenheiro florestal, uma engenheira agrônoma e um técnico em agropecuária. O escritório fica aberto das 8h às 12h e das 14h às 17h. O novo endereço é rua Santo Antônio, s/n, bairro Centro. O telefone é 3692-1312

Fonte: Ag. Pará de Notícias.

NÃO É MARAJÓ, E SIM ALTER DO CHÃO...OU...

Extraído do blog Santarém em Conexão

A reclamação é do pessoal de cá.
O alvo da discórdia é a novela Amor Estranho Amor, exibida pela Rede Globo.
É que, segundo os reclamantes, está havendo uma confusão entre o que seja Alter do Chão e Marajó.
No Facebook, a queixa é muito grande, pois dizem que Alter está levando desvantagem já que o ônus, eles acreditam, está sendo dado ao lado de lá.
Embora o telescpectador se esqueça de que a novela não está no ar para divulgar diretamente os dois destinos paraenses, e sim estão sendo usadas as locações para ilustrar a vida de pessoas simples que moram no interior da Amazônia. Para algumas pessoas, a confusão está instaurada.
 Para quem conhece a região, ou mesmo é daqui, sabe discernir o que seja uma coisa, ou o que seja outra. Mas para o telespectador comum os dois lugares estão sendo tratados como se fosse somente um.

segunda-feira, 16 de abril de 2012

DIVULGADA LISTA DE MUNICÍPIOS SELECIONADOS PELO MINHA CASA, MINHA VIDA.

No Marajó, apenas Muaná, Breves e Portel ficaram de fora desta lista 

Após mais de 120 dias de atraso e três adiamentos, o Ministério das Cidades divulgou, nesta quinta-feira, 12 de abril, a lista dos Municípios contemplados pelo Programa Minha Casa, Minha Vida (MCMV). Esta gama de recursos foi destinada especialmente para cidades com menos de 50 mil habitantes. Ao todo 2.582 Municípios receberão apoio financeiro para construção de 107.348 moradias, no valor de R$ 25 mil cada, sendo 50 unidades por Município.
 O critério de seleção foi o nível de pobreza dos Municípios, ou seja, onde há mais famílias carentes. Pois, o governo federal usou os recursos para atender metas de outro programa, o Brasil sem Miséria. O investimento para a construção das casas é de R$ 2,8 bilhões. Mas, há também contrapartida dos Municípios, como a aquisição dos terrenos, por exemplo.
 Segundo o governo, 1.163 entes municipais foram selecionados pela primeira vez no MCMV. Outros 1.419 foram escolhidos também em etapas anteriores. O número de inscritos para serem contemplados nesta etapa chegou a 4.042 Municípios. Eles pediam a construção de 426.146 unidades habitacionais, em 8.939 propostas enviadas ao Ministério.

 Reivindicação 

Um dia antes desse anúncio, na manhã desta quarta-feira, 11 de abril, a Comissão de Desenvolvimento Urbano da Câmara dos Deputados organizou uma audiência pública para cobrar esclarecimentos do Ministério das Cidades sobre esse atraso na divulgação. A representante do governo, Maria Avesani, afirmou que a mudança de critérios na escolha, antes feita a nível regional, foi o que ocasionou o problema. Esta lista foi feita com base em dados nacionais.

 Confira aqui a lista dos selecionados

Fonte: CNM

EXTRATIVISTAS DE AÇAÍ EM GURUPÁ RECEBEM PRONAF FLORESTA

Nesta terça-feira, 17, um grupo de 85 ribeirinhos de Gurupá, no Marajó, atendidos pelo escritório local da Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural do Estado do Pará (Emater), assinarão contratos da linha Floresta do Programa Nacional de Fortalecimento da Agricultura Familiar (Pronaf) com o Banco da Amazônia. Cada família receberá quase R$ 10 mil para aplicar em projetos de manejo de açaizais de várzea, a partir de limpeza de área, distanciamento padrão entre toiceiras e plantio consorciado de cupuaçu e cacau.
 Os agricultores fazem parte de dez comunidades localizadas às margens dos rios Moju e Baquiá. Atendidos pela Emater há mais de cinco anos, eles vivem do extrativismo de açaí e da pesca artesanal (peixe e camarão). Só de açaizais nativos, há mais de 250 hectares trabalhados. A proposta, de acordo com a orientação da Emater, é inserir pelo menos 50 mil pés de cupuaçu e 50 mil pés de cacau, entre cerca de 150 mil palmeiras de açaí. “O consorciamento do açaí com cupuaçu e cacau, além de garantir a manutenção de mais espécies na floresta, propicia diversificação de atividades, segurança alimentar das próprias famílias e complementação de renda”, diz o engenheiro florestal Ted Fonseca, chefe do escritório local da Emater.
 Essa é a segunda remessa de Pronaf Floresta no município. A primeira se deu ano passado, também com o Banco da Amazônia, que liberou um valor total aproximado de R$ 400 mil para 21 agricultores atendidos pela Emater investirem em sistemas agroflorestais (Safs).

Fonte: http://www.agenciapara.com.br/noticia.asp?id_ver=97328

A OBRA DE DALCÍDIO JURANDIR E O ROMANCE MODERNO

Um livro que vai agradar em cheio aos estudantes de Letras, aos professores de Literatura e, principalmente, a todo e qualquer bom leitor. Professor e coordenador do curso de Letras da Universidade do Estado do Pará (Uepa), Alonso Junior se dedicou a estudar e destrinchar as obras de um dos mais aclamados escritores paraenses e o resultado de sua análise está em “A Obra de Dalcídio Jurandir e o Romance Moderno”, livro que será lançado em maio próximo pela editora Pakatatu e posteriormente distribuído gratuitamente entre os alunos de Letras de todos os campi da instituição, já que foi redigido como parte do programa de incentivo à pesquisa da Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós-Graduação (Propesp) da Uepa. “Neste momento, Dalcídio continua sendo o melhor romancista da Amazônia e sua obra precisa ser analisada a partir de um número maior de instrumentos de análise do que os até agora utilizados”, afirma o docente, justificando seu trabalho.
Durante a pesquisa que originou a publicação, Alonso contou com a ajuda de seus próprios alunos. “Em geral, a obra do escritor tem sido abordada de um ponto de vista mais sociológico do que estético. Estudá-lo a partir de um ângulo mais estético, portanto, foi o motivo central da série de artigos que compõem o livro. Um dos artigos é meu e os demais foram escritos pelos alunos do curso de Letras da Uepa. Antes de ser autor, sou um organizador que também escreveu um artigo”, explica.

 DESCONHECIMENTO
Para ele, Dalcídio Jurandir é um escritor injustiçado. “Ele é pouco conhecido fora das fronteiras regionais quando se considera que seu talento pelo menos se iguala ao de José Lins do Rego, Raquel de Queiroz e Graciliano Ramos, para citar apenas alguns autores que são bastante conhecidos no cenário brasileiro”, detalha. “Penso que há uma questão muito relevante que a pesquisa detectou e que até agora foi pouco estudada: diferentemente dos romancistas brasileiros da geração de 30, na qual os romances de Dalcídio tem, pelo menos, um dos pés fincados, não existe na sua leitura do mundo uma perspectiva otimista da superação dos problemas humanos fundada no socialismo. Ao contrário da leitura de Graciliano Ramos, por exemplo, a de Dalcídio não é solene, dramática, digamos, mas bem humorada, irônica até, ou se quisermos, desencantada”, destaca, enaltecendo a grandiosidade do paraense.

 COMPARAÇÃO
 Se o autor é pouco conhecido no cenário nacional, suas características o tornam comparável a mundialmente célebres romancistas. “Este pormenor o faz diferente dos outros romancistas desta geração, ao mesmo tempo em que o aproxima de vários autores europeus que, desde a segunda metade do século XIX e no início do XX, abordam o homem sob este ângulo. É o caso de Flaubert, Machado de Assis, Thomas Mann e Joyce, para citar apenas alguns deles.(Ascom-UEPA)

Fonte: DOL

domingo, 15 de abril de 2012

VEM SUMANO !!!


Fonte: Marli Braga Dias

O MELHOR DA MÚSICA BRASILEIRA

GERALDO AZEVEDO nasceu em 1945 e foi criado em Petrolina, uma pequena cidade às margens do Rio São Francisco, no Estado de Pernambuco. Músico autodidata, ele aos 12 anos de idade já tocava violão. Mudou-se para Recife em 1963 e lá se juntou a um grupo folclórico intitulado GRUPO CONSTRUÇÃO onde encontrou pela primeira vez Teca Calazans e Naná Vasconcelos.
 Em 1967 conheceu Eliana Pittman, que o levou como músico acompanhante ao Rio de Janeiro onde se tornou conhecido como compositor e instrumentista versátil; em seguida juntou-se a Naná Vasconcelos, Nelson Ângelo e Franklin para formar o QUARTETO LIVRE, grupo que acompanhou Geraldo Vandré em seus shows até a época em que, devido a problemas políticos com o governo militar, Vandré teve que deixar o país e o grupo se dissolveu.
 Logo em seguida, GERALDO participou com Alceu Valença (um antigo amigo de Pernambuco) de um festival de música onde defenderam a canção “78 ROTAÇÕES”. Era o início de uma carreira que iria dar bons frutos, e que conduziu os artistas ao Festival Internacional da Canção do Rio de Janeiro em 1972 com “PAPAGAIO DO FUTURO”. Juntamente com o lendário cantor popular Jackson do Pandeiro, eles tiveram uma notável apresentação no Festival, e foram contratados pela Gravadora Copacabana; seu disco de estréia, “ALCEU VALENÇA & GERALDO AZEVEDO”, foi lançado no mesmo ano.
 O disco não obteve sucesso: era um trabalho demasiado não convencional para uma gravadora pequena, e passou quase despercebido. Ainda assim, nos anos seguintes, enquanto Alceu Valença seguia carreira solo, GERALDO compôs para a trilha sonora do filme “A NOITE DO ESPANTALHO”, de Sérgio Ricardo, e algumas de suas canções apareceram em novelas de TV, como “GABRIELA” e “SARAMANDAIA”, ambas de enorme audiência em todo o Brasil, e que ajudaram a divulgar seu nome como o de novo e promissor talento.
 Em 1975, GERALDO trabalhou na direção musical de uma peça teatral de Luiz Mendonça, “LAMPIÃO NO INFERNO”, e ali conheceu Elba Ramalho, uma atriz e cantora que, no futuro, iria gravar com sucesso muitas de suas canções. No ano seguinte saiu seu primeiro disco solo através da gravadora SOM LIVRE , apresentando, entre outras faixas “CARAVANA”, “BARCAROLA DO SÃO FRANCISCO”e “EM COPACABANA”.
 Em 1979 ele foi contratado pela CBS e fez o LP “BICHO DE SETE CABEÇAS”, quando se apresenta como um compositor mais amadurecido: “TÁXI LUNAR”e “BICHO DE SETE CABEÇAS”estão entre as suas melhores canções, e são invariavelmente incluídas em suas apresentações ao vivo. Este álbum também mostra GERALDO como um cantor capaz de interpretações surpreendentemente belas de canções alheias, como em “PAULA & BEBETO” (Caetano Veloso e Milton Nascimento) e “ÁGUAS DE MARÇO” (Tom Jobim) que GERALDO intercala com “MEU PIÃO” (Zé do Norte) canção da trilha sonora do filme “CANGACEIRO”, o primeiro sucesso internacional do cinema brasileiro em 1953.
 GERALDO estava entre o grupo de artistas brasileiros que foram para Angola no Projeto Calunga, e no ano seguinte lançou seu terceiro disco (o primeiro sob o selo Ariola) “INCLINAÇÕES MUSICAIS”. Neste LP, GERALDO contou com alguns dos melhores músicos de estilo disponível no Brasil, como Robertinho Silva (bateria), Nivaldo Ornelas (flauta), Copinha (flauta), Márcio Montarroyos (trompete); participações especiais de Sivuca e Jackson do Pandeiro; e arranjos de Dori Caymmi. O disco contém três dos seus maiores sucessos: “DIA BRANCO”, “MOÇA BONITA” e “CANTA CORAÇÃO”.
 O disco seguinte veio em 1982, ainda pela Ariola “FOR ALL PARA TODOS”. A canção título se refere à origem da palavra “forró” (que significa um baile popular, bem como uma espécie de dança). Diz a lenda que os engenheiros ingleses, quando construíram as ferrovias do Nordeste no século passado, costumavam dar bailes privados para si próprios, e bailes abertos para seus trabalhadores, os quais eram chamados de “for all”. A partir dessa história GERALDO e José Carlos Capinam construíram um forró irresistível e dançante. Outras faixas dignas de nota no disco são “ESPIRAL DO TEMPO”, “NUVENS SEM GUIA” e “PRÍNCIPE BRILHANTE”
 Em 1984 GERALDO participou do Festival de Jazz de Montreux e fez turnê através da França e da Itália. No ano seguinte retornou a Suíça percorrendo várias cidades, e foi também a Moscou, onde participou do Festival da Juventude.
 Ainda sob o selo Barclay (antiga Ariola) GERALDO lançou em 1985 seu quinto disco, “TEMPO TEMPERO”, com arranjos de Wagner Tiso e Hugo Fattoruso (entre outros), e Nana Caymmi como convidada especial. No mesmo ano foi gravado o seu primeiro disco ao vivo (único até agora), “GERALDO AZEVEDO”, pelo selo Echo. Gravado no Golden Room do Copacabana Palace, no Rio, ele fazia parte do projeto “Luz do Solo”, que promovia apresentações solo de grandes nomes da música brasileira. Este disco cobre todo o aspecto das influências musicais assimiladas por GERALDO, indo desde o “ABC DO SERTÃO”de Luiz Gonzaga até “TOMORROW IS A LONG TIME” de Bob Dylan. Os convidados especiais são Elba Ramalho, cuja interpretação da “CANÇÃO DA DESPEDIDA” de GERALDO e VANDRÉ tornouse um grande sucesso seu em disco e shows, e Zé Ramalho, parceiro de GERALDO em “TÁXI LUNAR”e “BICHO DE SETE CABEÇAS”.
 Em 1986, GERALDO AZEVEDO apresentou-se no Uruguai, Martinica e em Caynne e, juntamente com seu amigo Naná Vasconcelos, fez uma extensa turnê pelo Brasil. Logo em seguida ele deixou a gravadora Barclay e iniciou a produção de um disco independente, “DE OUTRA MANEIRA”, que acabou se transformando em seu maior sucesso de vendagem até hoje.
 No mesmo ano, ele tomou parte no show CANTORIA, juntamente com três outros cantores nordestinos: Elomar, Xangai e Vital farias. O show foi altamente elogiado pela crítica, e um disco, gravado no Teatro Castro Alves (Bahia) foi lançado logo depois, sob o selo Kuarup.
 Nos últimos anos GERALDO tem viajado intensamente através do Brasil, especialmente no Nordeste, sua região natal, onde ele tem um público amplo e que não para de crescer. Seu disco “BEREKEKÊ”, gravado em Los Angeles, lançado no Brasil pelo selo do próprio artista GERAÇÃO tornou-se um sucesso e recebeu imediatos elogios por parte da crítica.
 GERALDO AZEVEDO AO VIVO... COMIGO foi mais um CD lançado pelo selo GERAÇÃO gravado em várias sessões no Teatro Guararapes (Recife), Teatro Yemanjá (Salvador) e Teatro Rival (Rio de Janeiro), serve como que para fechar um ciclo na carreira do cantor/compositor, exibindo a extrema depuração técnica a que chegou seu domínio do instrumento.
 Em 1996 lançou um novo CD intitulado “FUTURAMÉRICA”, com várias composições inéditas em parceria com Capinan, Carlos Fernando e Fausto Nilo, alguns de seus parceiros mais constantes. Uma faixa do CD, “À Procura de Alguém”, uma regravação de um antigo frevo do mestre Capiba, foi incluída, nos primeiros meses de 1997, na trilha sonora da novela “A Indomada” da TV Globo. Neste mesmo ano Geraldo Azevedo e Zé Ramalho excursionaram por todo o Brasil com o show DUETO, de grande sucesso de critica e publico, culminando com uma apresentação de enorme sucesso no Canecao ( Rio de Janeiro) e que foi o ponto de partida para o projeto O Grande Encontro.
 No ano de 1998, Geraldo lançou o CD duplo Raízes e Frutos, onde fez regravações de grandes sucessos de sua carreira. No disco intitulado Raízes, foram incluídas as músicas que tinham uma ligação maior com o sertão, o estado de Pernambuco, e suas primeiras influências musicais. Em Frutos, apareceram as canções que refletiam a sua vivência posterior no ambiente urbano, e a sensibilidade filtrada através da técnica conquistada na maturidade artística. Com produção de Robertinho do Recife, Raízes & Frutos é um notável exemplo de um artista maduro fazendo uma releitura de canções da juventude e trazendo para elas todas as lições aprendidas ao longo da estrada.
 Geraldo Azevedo participou do projeto O Grande Encontro, onde se reuniu a Elba Ramalho, Zé Ramalho eAlceu Valença, em discos e shows, respectivamente, de 1998 e 2000, os artistas se uniram mostrando clássicos de suas respectivas carreiras, além de recuperarem sucessos de mestres como Luiz Gonzaga, Geraldo Vandré e Trio Nordestino. No Grande Encontro 3, gravado ao vivo no Rio de Janeiro, participações especiais de Belchior, Lenine e Moraes Moreira alargaram as fronteiras musicais do disco, que se transformou numa celebração à vitalidade da música nordestina.
 Em 2000, foi lançado Hoje e Amanhã, o segundo disco gravado por Geraldo nos EUA com a participação de músicos norte-americanos. A boa recepção de Berekekê (1991) levou Geraldo a juntar-se ao produtor Pippo Spera e músicos como o percussionista Alex Acuña e o baixista Alphonso Johnston, além dos brasileiros César Michilles e Luiz Antonio, além de Dori Caymmi, que fez a orquestração da faixa Una palabra. Assim como no CD Berekekê, em Hoje e Amanhã está presente uma síntese musical onde os músicos estrangeiros se integram sem esforço às propostas rítmicas e harmônicas das canções.
 Já o CD O Brasil Existe em Mim foi totalmente gravado no Brasil, contando com as participações de Elba Ramalho na faixa São João Barroco e Alceu Valença dividindo a musica Já Que O Som Não Acabou em homenagem ao mestre dos dois Jackson do Pandeiro. Este CD teve a produção de Paulo Rafael e conta com a colaboração de vários músicos que tocaram e tocam com Geraldo até hoje. Ainda neste CD uma parceria inédita de Geraldo e Torquato Neto e a canção Ver de Novo, que ele divide com sua filha Clarice Azevedo.
 No ano de 2009 lançou seu 1º DVD, Uma Geral do Azevedo com seus maiores sucessos e músicas com a maioria dos seus parceiros, gravado ao vivo no Circo Voador (Lapa – Rio de Janeiro) com 12 músicos e um cenário todo feito a partir de desenhos do próprio Geraldo.
 Atualmente está lançando o CD e DVD Salve São Francisco, um projeto idealizado por Geraldo Azevedo que conta com as participações especiais de alguns dos mais talentosos artistas produzidos no país, como Dominguinhos, Alceu Valença, Maria Bethânia, Ivete Sangalo, Djavan, Moraes Moreira, Fernanda Takai, Roberto Mendes, Geraldo Amaral, Vavá Cunha e Márcia Porto. A produção musical ficou a cargo de Robertinho de Recife, a produção executiva é de Gabriela Azevedo e a direção de Lara Velho. Todas as suas faixas celebram a beleza e importância do rio São Francisco. Através das músicas, a conscientização ecológica a respeito da água, elemento essencial para a os seres vivos, é despertada.
 O projeto mostra o making of das gravações, além de imagens de vários lugares por onde o rio São Francisco passa, mostrando sua beleza e peculiaridades. Geraldo através das musicas declara seu amor pelo Rio São Francisco, que o banhou quando criança, e faz um apelo para que todos se conscientizem do uso da água potável do mundo que já se encontra escasso em diversos regiões do planeta

Fonte: http://www.geraldoazevedo.com.br/2012/index.php

sábado, 14 de abril de 2012

DEP. ESTADUAL MÁRCIO MIRANDA/DEM APOIA A CRIAÇÃO DA UNIVERSIDADE FEDERAL DO MARAJÓ



ELEIÇÕES 2012: GETÚLIO BRABO E DELCIMAR VIANA DEVEM FORMAR A CHAPA PETISTA EM SSBV

Mesmo tendo sua gestão baseada em inaugurações de obras sem nenhuma finalidade e com acumulo de descaso com a saúde no municipio, o "ex-secretário" (pelo menos no papel) de saúde de SSBV, Delcimar Viana, eleitor recentemente domiciliado e filiado no PT de SSBV, deve mesmo ser o candidato a vice-prefeito.
Com forte articulação e com os dois pés dentro da tendência interna " Democracia Socialista"-DS ( Leia-se Ana Júlia e Claudio Puty), Del vem reunindo com lideranças locais. Ontem (13), o presidente do Sindicato dos Mototaxistas do Pará, Sr. Alemão, esteve na cidade à convite ( ou a mando do Dep.Claudio Puty) para reunir com os mototaxistas boavistenses e fortalecer o apoio à pré-candidatura do "ex-secretário"...
Todos com olhos e ouvidos bem atentos..
Esse ano não vai ser igual àquele que passou ....

Atualizado em 16/04/2012 às 15:11 hs
O Presidente do Sindicato dos Mototaxistas do Pará, José Ribamar (Alemão) entrou em contato por telefone com o blog para elucidar os fatos. Na ocasião, Alemão nos informa que não foi a SSBV  à mando do Dep. Claudio Puty, e sim, está levando para o Marajó seu projeto de regularização da atividade

GUASCOR DO BRASIL GARANTE CONTINUIDADE DOS SERVIÇOS

Em documento enviado à REDECELPA, a Guascor do Brasil confirma que os serviços de geração e distribuição de energia elétrica para municípios do Marajó e Calha-Norte não serão interrompidos. Leia acima

EQUIPE DA DATA MOBILIZA REDE DE ASSISTÊNCIA SOCIAL NO MARAJÓ

Extraído do blog do Walrimar Santos
A Divisão de Atendimento ao Adolescente (Data), da Polícia Civil, divulgou nesta sexta-feira, 13, o relatório das atividades desenvolvidas durante a caravana do Projeto Presença Viva: Pró-Paz Cidadania" que percorre a Ilha do Marajó. A equipe da unidade policial percorreu os municípios de Portel, Melgaço e Breves entre os dias 20 de março e 2 de abril. Em cada município, a equipe da Data formada pela delegada Nazaré Cardoso, investigadores De Paula e Átila e motorista policial Belém mobilizou a rede de atendimento de crimes contra crianças e adolescentes. Em Portel, os policiais civis entraram em contato com o juiz titular da Comarca local, Newton Carneiro Primo, e a promotora substituta Dully Otakara, além das Secretarias Municipais, Polícias Civil e Militar, CREAS (Centros de Referência Especializados em Assistência Social), CRAS (Centros de Referência em Assistência Social), Pastoral da Criança, Conselho Tulelar, dentre outros.
 A meta foi convidá-los para uma palestra com a finalidade de promover o fortalecimento da rede de enfrentamento à violência sexual contra crianças e adolescentes na cidade. Realizada no auditório da SETRAS (Secretaria de Assistência Social), a palestra reuniu, aproximadamente, 50 pessoas, entre professores e profissionais de saúde, além das presenças das secretárias de Assistência Social, de Educação e da Saúde, a primeira-dama do município, psicólogas, assistentes sociais e conselheiros tutelares. Reunidos com profissionais da área de saúde, entre os quais a secretária municipal Marilda Tenório, os policiais da Data repassaram orientações sobre a legislação e sobre as implicações em caso de omissões da não realização da notificação obrigatória pelo profissional da saúde.
 Na avaliação dos profissionais de saúde, o encontro foi bastante proveitoso e a reunião terminou com a demonstração de satisfação pelas explicações e esclarecimentos. "Fomos convidados a retornar em breve, pois há um projeto provavelmente para o mês de junho deste ano de levar palestras sobre o assunto para 12 localidades pertencentes ao município de Portel", explicou a delegada Nazaré Cardoso. Segundo ela, todos os órgãos visitados naquele município contribuíram com o trabalho da equipe policial e demonstraram interesse pelos temas abordados, como pedofilia, estupro de vulnerável, tráfico interno e internacional de pessoas, pornografia infanto-juvenil e as atividades desenvolvidas pela Projeto Pró-Paz Integrado. Já no município de Melgaço, a equipe da Data se reuniu com cerca de 40 pessoas no salão da Paróquia de São Miguel Arcanjo.
 Entre os presentes estavam profissionais da educação, saúde, assistência social, conselheiros tutelares e da Pastoral da Criança. A palestra foi avaliada muito positiva pelos participantes. Em Breves, os policiais civis promoveram entre os dias 29 de março e 2 de abril, visitas aos diversos órgãos municipais e estaduais para promover a palestra de orientação na Igreja Nossa Senhora do Perpétuo Socorro ligada à ordem dos padres agostinianos. A caravana visa resgatar a cidadania de pessoas que jamais possuíram registro de nascimento fazendo com que se tornem cidadãos e tenham acesso a outros serviços.

DESRESPEITO AOS USUÁRIOS

Extraído do blog da Franssinete Florezano

Quem estava a bordo do Bom Jesus V, ontem (13) à noite, viveu momentos de pavor. A embarcação ficou à deriva na baía do Marajó, vindo de Breves para Belém. O navio já chegou em Breves com problemas e mesmo assim tentou fazer a viagem de volta, pondo em risco as vidas dos passageiros, que pagam preços exorbitantes por um serviço péssimo e inseguro. A Arcon, sempre inoperante e omissa, só trata de reajuste de passagens. Não fiscaliza a qualidade, eficiência e sequer a regularidade do transporte público. Os que navegam pelos rios do Pará, nossas estradas naturais, estão literalmente entregues à própria sorte.

sexta-feira, 13 de abril de 2012

VOCÊ FAZ PARTE DESSA HISTÓRIA ?

Parece mentira sumanos, mas, infelizmente não é.
Familia carente em SSBV teve mais um de seus filhos levados pela falta de respeito e pela omissão do governo inePTo do município.
Familiares e amigos da menina Valéria, que morreu tragicamente por conta da inoperância de quem devia fazer a manutenção dos bancos da belíssima Praça da Matriz há apenas duas semanas atrás (leia aqui) , estão revivendo a dor e a revolta.
Katlen (apenas 2 anos), irmã da pequena Valéria, morreu nesta madrugada vitima de traumatismo craniano.

OS FATOS
Ao acidentar-se a menina teve uma forte lesão na testa. Levada ao hospital municipal de SSBV, foi atendida pela equipe de enfermagem. Sem equipamentos (raio-x, tomógrafo e etc..) para uma melhor análise do quadro de saúde da mesma, fizeram sutura e a encaminharam pra sua residência. Na tarde de ontem (12) a menina deu entrada novamente no hospital municipal com forte dores e inchaço no local do ferimento, quadro agravado pela falta de melhores cuidados e procedimento correto por parte da equipe do hospital. Sem recursos, o hospital municipal pretendia transferir a pequena paciente via avião hoje cedo para Belém, pois, no momento da entrada ontem ( por volta dàs 17 hs) não mais seria possível o pouso e decolagem  na improvisada pista de pouso da cidade. Nenhum outro esforço foi feito por parte da gestão para transferi-la, mesmo que de lancha para Breves, cidade com mais estrutura no HRM.
Resultado de tanto improviso e descaso: A morte da pequena Katlen.

O blog mais uma vez se solidariza e espera desta vez que alguém me responda:
A culpa é de quem ? 


quinta-feira, 12 de abril de 2012

ENTIDADES MÉDICAS DEFENDEM EXAME NACIONAL DE REVALIDAÇÃO DE DIPLOMAS MÉDICOS EXPEDIDOS NO EXTERIOR

O Governo Federal anunciou que quer facilitar a entrada de médicos formados no exterior para trabalhar no Brasil para suprir a falta de médicos em regiões periféricas.
 Para o presidente da FENAM, Cid Carvalhaes, médicos formados no exterior, sejam eles brasileiros ou estrangeiros, devem ser avaliados criteriosamente, uma vez que não se conhece o nível de formação que os profissionais receberam no exterior. Para ele, o Exame Nacional de Revalidação de Diplomas Médicos expedidos por Universidades Estrangeiras (Revalida) é a melhor opção para que se tenha um controle rigoroso na autorização de registro nos conselhos de medicina.
 "Torna-se necessária uma prova de conhecimento que comprove a qualificação para atender a população brasileira", explicou ele.
 O processo é composto por provas objetivas e discursivas em uma primeira fase. Os aprovados ficam habilitados para realizar a segunda etapa que consiste em provas práticas de habilidades clínicas.
 "Aquilo que é exigido dos médicos brasileiros, deve ser exigido dos médicos do exterior. As entidades médicas e a FENAM em especial, defendem o Revalida", acentuou Cid Carvalhaes.
 Em nota, as entidades médicas do estado de São Paulo se manifestaram contrárias a posição do Governo em facilitar a entrada dos profissionais no país, defendendo a manutenção Revalida.

Em defesa do Revalida 

As entidades médicas de São Paulo vem a público posicionar-se contrariamente à possível alteração das regras de revalidação de diplomas de médicos formados no exterior, em discussão entre a Casa Civil da Presidência da República e os Ministérios da Saúde e Educação, conforme notícias divulgadas nos meios de comunicação.
 • Defendemos a continuidade do Exame Nacional de Revalidação de Diplomas Médicos expedidos por Universidades Estrangeiras (Revalida), aplicado desde 2010 pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), em colaboração com a subcomissão de revalidação de diplomas médicos, da qual participam os ministérios da Saúde, Educação e Relações Exteriores e a Associação Nacional dos Dirigentes de Instituições Federais do Ensino Superior (Andifes).

 • O Revalida, ao trazer critérios uniformes, justos e transparentes, deve ser preservado e a atual legislação brasileira não deve ser alterada.

 • A lei de Diretrizes e Bases da Educação é clara ao dizer que profissionais formados no exterior, brasileiros ou não, são obrigados a revalidar seus diplomas em escolas brasileiras de ensino superior para receber a autorização para trabalhar no país.

 • Também o Decreto Federal que regulamentou o papel dos Conselhos de Medicina, exige que o requerimento de inscrição no CRM seja acompanhado da prova de revalidação do diploma de formatura.

 • A revalidação de diplomas estrangeiros não pode, em hipótese alguma, ser incompatível com a graduação de Medicina no Brasil: mínimo de 7.200 horas, seis anos de curso com estágio prático/internato correspondendo a 35% da carga horária total e correspondência às Diretrizes curriculares Nacionais de Graduação em Medicina, instituídas pelo MEC desde 2001 e, sobretudo, devem ser exigidas as competências e habilidades mínimas para o exercício da Medicina.

 • No momento em que denunciamos a precariedade de parte do ensino médico no Brasil, e a autorização desenfreada de novos cursos de Medicina sem condições adequadas de funcionamento, não é possível admitir facilidades à revalidação de diplomas obtidos em escolas do exterior que oferecem formação pior que a nossa.

 • A flexibilização de diplomas estrangeiros colocará em risco a saúde da população assistida e não irá solucionar o problema da falta de médicos em algumas regiões e em determinados serviços públicos de saúde no Brasil.

 • Ao insistir na revalidação automática de diplomas, o Governo Federal demonstra o descaso com a solução para as atuais desigualdades na concentração de médicos no país que, insistimos, tem como base a instituição da carreira de Estado para os médicos do SUS e o adequado financiamento do Sistema Único de Saúde.

Fonte: http://portal.fenam2.org.br/portal/showData/398416#.T4cGDM-um3w.twitter

CELPA CONTESTA RACIONAMENTO DE ENERGIA NO MARAJÓ

A Celpa, concessionária de energia elétrica no Estado do Pará, enviou uma nota ao Diário Online, por meio de sua assessoria de imprensa, contestando que o Arquipélago do Marajó esteja passando por racionamento de energia.
Na manhã de ontem (11), o promotor Sávio Brabo afirmou, durante sessão especial na Câmara Municipal de Belém, que a partir de hoje (12) 40% da energia elétrica do Marajó seria racionada porque a empresa que fornece combustível para usinas termoelétricas não teria recebido o pagamento da Celpa.
Na breve nota, a assessoria de imprensa da Celpa não fornece detalhes sobre o assunto, mas afirma que “o atendimento aos municípios do Arquipélago do Marajó continua sendo prestado normalmente”.

Fonte:  (DOL, com informações do Diário do Pará)