segunda-feira, 17 de outubro de 2016

BREVES: EMATER APOIA PRODUÇÃO DE CHOCOLATE COM 100% DE CACAU

A cada 600g de sementes resultam em uma barra de meio-quilo do doce
No Marajó, entranhada na floresta de Breves, onde uma residência chega a se distanciar quilômetros de qualquer outra, Maria Júlia Sena, de 76 anos, pelo menos duas vezes por semana separa amêndoas das árvores nativas às margens do rio Tucanaçu e prepara uma iguaria: chocolate 100% cacau, rústico e diferenciado. Na entressafra, de julho a dezembro, a frequência diminui para uma vez por mês.
Cada 600g de sementes resultam em uma barra de cerca de meio quilo do doce pronto, a partir de descascamento, pilagem e torrefação no fogareiro de chão. O processo é exclusivamente artesanal e dura mais ou menos uma hora. Não é necessária nenhuma refrigeração para se alcançar o ponto. Na propriedade não há energia elétrica. As barras acabam consumidas pelos dois netos e também embaladas decorativamente em folhas de arumã, servindo de presente para amigos e parentes. “Herdei essa receita dos meus pais, que herdaram dos meus avós, que herdaram dos meus bisavós... Não dá nem pra contar como e de onde apareceu. É uma tradição da gente”, diz.

Continue lendo....

Nenhum comentário:

Postar um comentário