segunda-feira, 21 de abril de 2014

ESTUDO QUER CERTIFICAR O QUEIJO DO MARAJÓ

O queijo do Marajó é feito de forma artesanal.  
O queijo do Marajó é um produto genuinamente paraense, com potencial para os mercados interno e externo, e que possui um protocolo de produção, de acordo com a Lei Estadual de Produtos Artesanais (Lei 7.565, de 25/10/2011). A legislação permite até 40% de leite bovino no queijo de búfala e para detectar e quantificar a presença dessa mistura, a Embrapa Amazônia Oriental e o Rikilt Institute, da Universidade de Wageningen (Holanda) desenvolveram um estudo de caracterização do queijo marajoara.
O estudo, inédito para esse produto, realizou a caracterização e análise química do queijo por meio de duas técnicas, a PCR em tempo real e a cromatografia gasosa. Com a primeira metodologia foram analisados fragmentos de genes específicos de búfala e vaca para identificar a presença deles nos queijos. Já com a cromatografia gasosa verificou-se o perfil dos ácidos graxos do produto, ou seja, foi possível extrair a gordura do queijo e fazer a sua quantificação, tanto para a espécie bubalina quanto para a espécie bovina. “Utilizando a PCR em Tempo Real, será possível a detecção, e com a cromatografia gasosa, a quantificação desses dois tipos de leite”, esclarece Marcelo Murad, pesquisador da Embrapa Amazônia Oriental.

Continue lendo...

Fonte: DOL

Nenhum comentário:

Postar um comentário