sábado, 10 de abril de 2010

GOLPISTA NO MARAJÓ

As mulheres trabalhadoras do nosso marajó, estão sendo v´timas de um "assesor jurírico" chamado Marcos da Silva Barbosa, que representa o Escritório de Advocacia Previdenciária que se intitula representante do Instituto Brasileiro Previdenciário,de Tocantins. Este escritório fica lozalizado na Rua Floriano Peixoto,301 - Centro - Santarém/Pa - Tel 3523-3244 e 3524-5630
O responsável pelo escritório é o advogado LEONARDO DO COUTO SANTOS FILHO-OAB 12862
O Golpe:
As trabalhadoras rurais e pescadoras artezanais, têm direitò a receber um auxílio-maternidade após o nascimento de seus bebês. O "assesor jurídico" chega nas cidades marajoaras ( São Sebastião d Boa Vista, Curralinho, Bagre, Limoeiro do Ajuru, entre outras cidades já caíram no golpe) procura os sindicatos rurais e colônias de pescadores, e a partir deste primeiro contato, faz anúncios em rádios locais ( geralmente comunitárias) e se associa com algum radialista ou dirigente destas entidades.
Cobra adiantado em torno de R$ 200,00 de cada trabalhador interessado em "resolver" a liberação deste auxílio.
Já chegam à mais de 500 vítimas ( por baixo) deste golpista.
O blog entrou em contato com a OAB/Pa e com um jornalista santareno para descobrir-mos o paradeiro deste golpista e a existência do referido escritório.
Aguardem novas notícias...

Nenhum comentário:

Postar um comentário