quarta-feira, 3 de outubro de 2012

JOVEM É RESGATADA EM SSBV POR HELICÓPTERO DOS BOMBEIROS

Grupamento aéreo realizando resgate no Marajó
O Grupamento Aéreo do Corpo de Bombeiros resgatou na manhã desta quarta-feira (3), na cidade de São Sebastião da Boa Vista, na Ilha do Marajó, uma adolescente de 13 anos, que apresenta gravidez de alto risco e em condições de parto pré-maturo.
A adolescente chegou a Belém, acompanhada pela equipe médica, por volta das 12h15min. O helicóptero do Grupamento Aéreo pousou no campo de futebol do Comando Geral e Jucileia foi encaminhada para a Fundação Santa Casa de Misericórdia, onde receberá o atendimento médico devido. Segundo a assessoria de imprensa do Corpo de Bombeiros, os familiares da adolescente solicitaram o resgate para a Secretaria de Saúde do município de São Sebastião da Boa Vista, por volta das 9h. Em seguida, os funcionários entraram em contato com a Secretaria de Estado de Saúde (Sespa), que trabalha em conjunto com o Corpo de Bombeiros nestes casos.
A urgência no atendimento se deu pelas condições da menina, que reclamava de fortes dores, indicativo de parto pré-maturo. "São Sebastião da Boa Vista não possuí incubadoras, por isso não teria condições de atender a jovem", afirmou um dos soldados do Corpo de Bombeiros que realizaram o resgate.

Fonte: DOL

Atualizado às 19:26
A Santa Casa do Pará informa que a paciente J. B. G., de 14 anos, deu à luz a uma menina pesando 2.990 gramas e medindo 50 centímetros. Ela foi transportada de helicóptero de São Sebastião da Boa Vista, na ilha do Marajó, para Belém, com 36 semanas de gestação, e foi internada no hospital na tarde desta quarta-feira (3). A menor foi atendida pela equipe médica, fez exames e foi submetida a uma cesariana. Mãe e filha passam bem.

NOTA DO BLOG
Uma cidade que não tem nem aparelho de ultrasom, não oferece atenção básica de qualidade e têm equipes de PSF insuficientes e que não trabalham com eficácia, deixa a população na mão quando precisa de atendimento emergencial. Fora isso, a cidade de mais de 22 mil habitantes tem apenas 1 médico... Até quando ?

Um comentário:

  1. Esta é a realidade em toda Ilha do marajó, até quando vai ser assim, ta na hora de mudar use seu voto pra mostrar sua indignação com a saúde em nossa cidade.

    ResponderExcluir