sexta-feira, 28 de outubro de 2011

PORTEL PAGA PISO SALARIAL DO MAGISTÉRIO ACIMA DO PROPOSTO PELO MEC

Hoje o Piso Salarial do Magistério em Portel é de R$ 1.278,00 (um mil, duzentos e setenta e oito reais) para 40 (quarenta) horas semanais, valor acima do proposto pelo Ministério da Educação - MEC que é de R$ 1.187,00 (um mil, cento e oitenta e sete reais) para 40 (quarenta horas semanais). Além do piso, somam-se as gratificações, adicionais e todas as demais vantagens de caráter permanente que são de direito de cada servidor. São elas: 1) Gratificação de Magistério; 2) Horas-atividades; 3) Gratificação de Nível Superior; 4) Gratificação de Especialização; 5) Gratificação de Necessidades Especiais; 6) Gratificação de Longa Distância; 7) Qüinqüênio e 8) Gratificação de Gestão e Vice-Gestão. As gratificações de nº 5, 6 e 8, dependem respectivamente, de alunos portadores de necessidades especiais, do deslocamento do servidor e do exercício de gestão na unidade escolar.

Vale ressaltar que o valor acima referido deveria ter sido pago a partir de maio, entretanto, começou a ser praticado a partir do mês de agosto. Por isso, foi pago retroativo referente aos meses de maio à julho e a diferença de 1/3 das férias.

Veja a tabela abaixo:

FORMAÇÃO

C.H.

PISO SALARIAL

G.M.(10%)

H.A. (20%)

G.N.S. (80%)

G.Esp. (20%)

G.N.E.: (30%)

QUIN. (de 5% em 5%)

G.L.D. (de 25% à 50%)

G.G e V.G

SALÁRIO BRUTO

NÍVEL MÉDIO

100

R$ 639,00

R$ 63,90

R$ 127,80

R$ -

R$ -

R$ 830,70

200

R$ 1.278,00

R$ 127,80

R$ 255,60

R$ -

R$ -

R$ 1.661,40

NÍVEL SUPERIOR

100

R$ 639,00

R$ 63,90

R$ 127,80

R$ 511,20

R$ -

R$ 1.341,90

200

R$ 1.278,00

R$ 127,80

R$ 255,60

R$ 1.022,40

R$ -

R$ 2.683,80

ESPECIALIZAÇÃO

100

R$ 639,00

R$ 63,90

R$ 127,80

R$ 511,20

R$ 127,80

R$ 1.469,70

200

R$ 1.278,00

R$ 127,80

R$ 255,60

R$ 1.022,40

R$ 255,60

R$ 2.939,40

LEGENDA:

C.H.: Carga Horária

G.M.: Gratificação de Magistério

H.A.: Hora-Atividade

G.N.S.: Gratificação de Nível Superior

G.Esp.: Gratificação de Especialização

G.L.D.: Gratificação de Longa Distância

G.N.E.: Gratificação de Necessidades Especiais

QUIN.: Quinquênio

G.G. e V.G.: Gratificação de Gestão e Vice-Gestão

Elaboração analítica para podermos chegar nesses resultados:

Equipe Técnica SEMED

Secretaria Municipal de Educação de Portel

Secretária Rosangela Maria de Souza Fialho

Um comentário:

  1. Caro amigo Flávio, essas prefeituras que propagandeiam que pagam o piso acima do Nacional, escondem uma grande armadilha para os professores: a forma de reajuste.O Piso Nacional é reajustado pelo custo aluno, que para o ano de 2012, ficará em 16%. Conheço prefeituras por aí, que hoje pagam o piso maior que o nacional, mas o reajuste será pela inflação.Aí está a armadilha.A inflação desse ano deve ficar em 6%, e é esse o reajuste que que esses professores receberão, ou seja, 10% menor que o piso nacional.Logo, logo o piso Nacional vai ultrapassar esse pisos municipais.E tem um detalhe nessa estória: o reajuste do custo aluno será repassado para as secretarias de educação, que não repassarão aos professores.
    Professor Óberti Mesquita.
    P.S. Não sei esse é o caso de Portel.

    ResponderExcluir