sábado, 3 de dezembro de 2011

TÉCNICOS DO FNDE VISITAM O MARAJÓ

O Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE) é uma autarquia federal vinculada ao MEC

A partir de uma solicitação do deputado federal Miriquinho Batista (PT/PA), técnicos do FNDE visitaram os municípios marajoaras para melhor conhecer a realidade local e verificar de perto as peculiaridades da região.
“O objetivo desta visita é a elaboração de um relatório capaz de demostrar as reais necessidades educacionais da região, respeitando as particularidades naturais do Marajó”, disse a Técnica/FNDE Camila Silva.
O Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE) é uma autarquia federal vinculada ao Ministério da Educação que tem como missão prestar assistência financeira e técnica e executar ações que contribuam para uma educação de qualidade a todos.
Após a visitas aos municípios, no Auditório da AMAM (Associação do Municípios do Arquipélago do Marajó), aconteceu uma reunião com técnicos, prefeitos e secretários de Educação dos municípios Marajoaras, junto com o Deputado Miriquinho Batista, afim de fortalecer as ações a serem implementadas na região.
Na ocasião o Prefeito de Santa Cruz do Ararai, Marcelo Pamplona, vice-presidente da AMAM agradeceu, em nome de todos os prefeitos e secretários de educação, ao Deputado Miriquinho pelo compromisso e solidariedade com o Marajó ”...com o apoio de Vossa Excelência é possível resolver as principais questões da nossa região”.

“Existe uma realidade a ser olhada. O FNDE precisa se adaptar, sem desviar do padrão estabelecido. Cada região tem suas características. As questões não são complicadas para solucioná-las” Afirmou o Engenheiro Marcelo Gomes do FNDE.

O prefeito de Bagre Cledson Rodrigues (Charão) enfatizou a necessidade da mudança na norma que exige a construção de Escolas e Creches a distância mínima de 10 metros da beira do rio ”...se não podemos construir na beira do rio não vamos construir quase nada no Marajó”.

“É uma etapa de suma importância na resolução dos problemas educacionais marajoaras a visita dos técnicos a Ilha do Marajó a fim de conhecer os modelos adequados de escolas a nossa região”. Afirmou o Prefeito João Luís de Soure.
O deputado Miriquinho enfatizou a necessidade do padrão nacional adotada pelo FNDE na construção de escolas e creches compatível com as peculiaridades locais do Marajó. “... este momento representa exatamente o compromisso do MEC/FNDE de ouvir e adaptar as normas constituídas a partir de dados locais estabelecidos”.
Ao final do encontro disponibilizou a mandato com o intuito de desenvolver ações para o fortalecimento da educação no arquipélago do Marajó e principalmente, melhorar, a cada dia, a qualidade de vida de cada marajoara.

Por: Assessoria deputado Miriquinho Batista em 02/12/2011

5 comentários:

  1. A escola "NOSSA SENHORA DE LOURDES" que tem como ditador LÁZARO COSTA é a única escola no município de SÃO SEBASTIÃO DA BOA VISTA que não cumpre os 200 dias letivos. Pois a grande quantidade de reuniões pedagógicas deixa os alunos sem aulas após o recreio. E o ditador Lazaro Costa ainda diz que as outras escolas não cumprem os seus 200 dias letivos. Pois ele pede para a secretaria de educação massacra os funcionários de sua escola. Manda falta dos coitados e agora quer que paguem essas faltas.
    Gostaríamos que a mídia desse uma olhada para esses escravos professores e trabalhadores em geral da escola Nossa Senhora de Lourdes. Pois são ameaçados, pois ele falou que vai ser o secretario de educação toma cuidado GETULIO, SOU PROFESSORA NA ESCOLA DESSE DITADOR E AS PESSOAS SÃOPENALIZADAS DIÁRIAMENTE.

    ResponderExcluir
  2. AKI EM BOAVISTA OS PROFESSORES SÓ SÃO BENEFICIADOS SE FOREM PUXA-SACO DO SECRETARIO, DO ANDERSON MEIO A MEIO OU DO PREFEITO, MESMO SENDO BOM PROFESSOR SE NÃO FOR PUXA SACO NÃO GANHA MAIS DE QUE SUAS MERECIDAS 100 HORAS.
    HAJA MASACRE E NÃO É SÓ NESSA ESCOLA QUE ACONTECE ISSO MAIS EM TODA ADMINISTRAÇÃO.

    ResponderExcluir
  3. não vejo dessa forma,conheço um pouco o Srº lázaro, e acho que ele gosta que as coisas aconteçam na sua escola, não é a toa que o maior IDEB é o dessa escola, talvez professora, vc não cumpra com suas obrigações,até por que na escola NSrª de Loudes nem coordenador pedagógico tem,como essas reuniões acontecem??????????

    ResponderExcluir
  4. O Lazaro é um xcelente diretor. Além de ser um excelente puxa saco é claro. O problema é q 90% dos professores de SSBV não querem trabalhar, eles faltam e não querem q vá as faltas. vejam só.

    ResponderExcluir
  5. é verdade, essa professora que fez o cometário falando do diretor deve ser uma péssima professora.daquelas que só querem ir na escola assinar ponto, não é kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk???????????? o lázaro não é qualquer um não, trabalhe meu amor

    ResponderExcluir